Roqueira desiste de suicídio após receber palavra em igreja: “Deus me abraçou”

0
3049
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Co-fundadora e ex-vocalista da banda de rock Flyleaf, a cantora Lacey Sturm, estava pensando em suicídio quando teve um encontro com Deus, que salvou sua vida.

“Quando eu tinha dez anos de idade, meu primo, que tinha cerca de três anos na época, foi espancado até a morte por seu padrasto”, disse Sturm. “Minha mãe sempre falou comigo sobre Deus, mas no momento eu me lembro de pensar que não conseguia conciliar como Deus poderia permitir que algo como aquilo acontecesse. Eu me questionava que se Deus era grande e bom, por que ele não protegeu meu primo, que era tão pequeno e tão incrível?”.

A garota que nasceu na cidade de Arlington, no Texas (EUA), não conseguia tolerar o mal no mundo. “Eu nunca quis ter filhos”, disse ela. “Seria apenas trazer outra pessoa ao mundo para sofrer”.

Ela chorava todas as noites antes de dormir, tornou-se ateia e começou a se afundar no uso das drogas e do álcool. Além disso ela se viciou em pornografia e começou a ter um relacionamento homossexual.

“Eu não conseguia me livrar da minha própria depressão”, disse ela. “Então comecei a estudar muitas outras religiões. Havia um monte de ideias agradáveis nelas, mas eu nunca encontrava nenhuma cura tangível”.

Assine o Blesss

“Lembro-me de pensar: ‘estou cansada de sentir tanta dor. Estou cansada de ir para a cama dessa maneira. Estou cansada de ser um fardo para as pessoas. Estou cansada de não saber por que estou viva’. Eu me lembro da noite em que estava deitada na cama e eu sabia que ia cometer suicídio no dia seguinte. Eu sabia que não ia mais estar viva dali a dois dias”.

Mas no dia fatídico em que ela voltou da escola, ela encontrou sua avó em casa – uma ocorrência incomum.

“Ela olhou para mim e disse: ‘Há algo de errado com você. Você irá para a igreja”, contou Lacey, lembrando-se das palavras de sua avó.

“De maneira alguma eu irei à igreja”, respondeu a jovem à sua avó.

Então, as duas começaram a discutir e finalmente Sturm cedeu: ela iria para a igreja com sua avó, mas não pensava em desistir de seu plano suicida depois que voltasse do culto.

Chegando à igreja, Lacey se assentou em um banco da última fileira, destilando seu olhar de ódio contra tudo e todos ao seu redor, inclusive o pastor que pregava naquele dia.

“O pastor começou a falar, e eu o odiava mais do que ninguém”, contou ela.

Então o pastor começou a fazer revelações que surpreenderam Sturm: “Há um espírito suicida na sala.”

“Naquele momento, é claro, todo o cabelo na minha nuca se arrepiou”, disse ela. “E eu pensei: ‘Bem, isso é realmente estranho”.

Ela se levantou para sair do templo, mas foi abordada por um homem de cabelos brancos, que gentilmente se dirigiu a ela, dizendo: “O Senhor quer que eu fale com você. Ele quer que você saiba que mesmo que você nunca tenha conhecido um pai terreno, Deus será um Pai melhor para você do que qualquer um aqui na Terra jamais poderia ser. Deus sabe da dor que está seu coração. Ele viu você chorar para dormir à noite”.

Sturm teve um misto de sentimentos, ficando atordoada e emocionada ao mesmo tempo. Como aquele senhor poderia saber sobre as coisas mais profundas que estavam em seu coração?

“Aquilo foi algo esmagador para mim”, disse ela. “Ele me perguntou: ‘Você quer que eu ore por você, para que Jesus tire a dor do seu coração?’. Então ele colocou a mão em meu ombro e começou a orar por mim. Eu me sentia como se o Deus do universo estivesse bem na minha frente naquele momento”.

Lacey Sturm é casada com o guitarrista Joshua Sturm.

Transformação

Lacey contou que aquele momento aparentemente inusitado, no qual aquele senhor orava por sua vida permitiu que ela compreendesse algumas coisas importantes.

“A primeira coisa que notei naquele momento foi que Deus era santo e bom. A segunda coisa que notei foi que eu não era santa e não era boa. Mas, ao mesmo tempo, eu sentia que Ele estava me convidando para um abraço de graça e amor incondicional. Ele me abraçou e me disse: ‘Eu te amo. Eu sei que você está cansada de viver assim. Vou renovar sua vida, se você me deixar fazer isso”, acrescentou Sturm.

“Meu coração apenas disse: ‘Sim. Eu preciso disso. Eu quero isso”, lembrou Lacey. “Acordei no dia seguinte, sentindo uma paz e uma alegria que nunca tinha sentido antes. Jesus salvou minha vida. Foi esmagador pensar que Jesus nunca pecou mas tomou pecados sobre si e aqueles também eram os meus pecados. Aquilo o levou a morrer na cruz. Ele ficou nu em uma cruz, sangrando de uma maneira vergonhosa para que eu nunca tivesse que me envergonhar pelas coisas que eu fiz”.

Carreira

No ano 2000, Sturm montou a banda Flyleaf, com o baterista James Culpepper e os guitarristas Sameer Bhattacharya e Jared Hartmann. Já em 2009, o CD “Memento” atingiu o 8º lugar nas paradas da Billboard.

Em 22 de outubro de 2012, pouco antes do lançamento do álbum “New Horizons”, Sturm anunciou que estava deixando a banda Flyleaf, para se dedicar à sua família. A cantora teve dois filhos com o guitarrista Joshua Sturm, com quem ela estava casada desde 6 de setembro de 2008.

O testemunho de Sturm inspirou a vida de muitos que acompanhavam e admiravam seu trabalho na música. Sabendo disso, a cantora decidiu lançar um livro, contando suas memórias.

Em setembro de 2014 foi publicado o primeiro livro de Lacey Sturm, intitulado “The Reason: How I Discovered a Life Worth Living” (“A Razão: Como eu Descobri uma Vida que Vale a Pena”). O livro de Sturm é uma autobiografia sobre como ela superou as lutas de sua vida em um esforço para inspirar aqueles que também estão enfrentando momentos difíceis.

Falando sobre o poder do amor de Deus em seu livro, Sturm recordou seu primeiro entendimento da salvação.

“Eu ouvi a mensagem: ‘Eu sou digno de amar e fui criado por um Deus bom, minha vida é importante, não importa que alguém diga o contrário’. Entendi isso durante o meu encontro com Deus, quando eu ainda era ateia”, explicou a cantora. “Esse foi o primeiro sinal: O Espírito Santo me deu essa mensagem. Talvez eu já tenha ouvido isso antes, mas eu não tinha realmente a recebido em coração até então”.

Hoje, a cantora diz que ela permite que as provações fortaleçam sua fé. “Esses momentos são muito mais fáceis para mim, quando estou isolado ou a vida está me deixando para baixo. Isto é mais fácil para mim, pessoalmente, estando perto do Senhor, ao contrário de quando as coisas estão indo bem”, disse ela.

“Eu percebo agora que eu estava realmente procurando por algo que era verdadeiro. Eu não encontrei nada sólido na fé de ninguém que eu vi de fora”, disse Sturm. “Naquele momento, no dia em que eu tinha planejado cometer suicídio, percebi que esse encontro com Deus era muito mais real do que qualquer coisa que eu já ouvi de alguém”.
Com informações do Guiame

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui