A brevidade da vida

0
11
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Gerson Welder Rodrigues Poças


De fato, os dias de nossa vida chegam a setenta anos, ou a oitenta para os que têm mais saúde; entretanto, a maior parte dos anos é de labuta e sofrimentos, porquanto a vida passa muito depressa, e nós voamos! 
Salmo 90:10

Como é possível para nós entendermos a vida como um todo, pois para a maioria de nós pensamos que teremos longíssimos dias e aventuras em nossos breves anos que ainda nos restam e assim condicionamos conscientemente nossas mentes a um pensamento ligado no aqui e agora, e não no por vir, ou seja, naquilo que vai além de nossa compreensão, porém, o qual é revelado através das escrituras.

Infelizmente a maioria dos homens se entregaram a suas paixões carnais e superficiais e caminham em passos muito longos para um final solitário e vazio, um final onde podemos observar olhando pela janela da realidade da vida, e é através desta janela que Deus nos avisa das coisas vindouras que podem nos prejudicar a longo e curto prazo, devido a uma vida sem o seu temor e amor.
Pois onde o homem pode chegar com suas próprias forças, ou por quais caminhos do conhecimento ele adentrara para prolonga-la a ponto de pensar, ‘ poderei viver um pouco mais’ e então no futuro dirá ‘ que proveitos tiveram os anos que ganhei?’, pois como o salmo acima descreve que nossos anos chegam aos 70, e com muita dificuldade aos 80.

Receba nossos posts em seu e-mail

Informações relevantes sobre o cotidiano, segundo a ótica cristã. Insira seu email:

Delivered by FeedBurner

Para termos uma simples ideia da brevidade de nossas vidas é necessário criarmos certas imagens para a nossa compreensão, imaginemos então uma brisa suave de verão, o cair de uma folha, a gota de uma chuva, pois todos estes aparecem majestosamente nos lugares mais altos e que os quais de difícil acesso, mas em alguns segundos caem como as gotas de chuva ou as folhas das árvores, ou simplesmente desaparecem como a brisa suave do verão, assim também é a vida do homem e sua passagem é muito rápida sobre este mundo, a mudança de tempo e idade na humanidade é observado em todas as eras, e em todas estas, nós estamos sempre tomando decisões e entrando em condicionamentos negativos como guerras, mortes, mentiras, preconceitos, calunias, difamações e pelas quais somos espremidos por tais decisões e fenômenos contemporâneos e estamos morrendo todos os dias.
Geralmente pensamos que a morte é aquela que vem e rouba a vida de uma vez de um ser vivo, porém, nós mesmos estamos sendo sugados todos os dias tendo parte de nossas vidas retiradas por situações adversas, pela angústia, depressão, medo, ignorância, antipatia, desamor, corrupção mundana, pois antes da morte ser manifesta aos olhos dos vivos podem a observar no invisível mas sentido.
Assim é a vida do homem, e quando falo homem é todo aquele que foi destinado ao respirar.
Deus então nos deu a vida breve e simples, mas infelizmente nós estamos sempre no caminho mais medonho, escuro e frio que podemos imaginar e sempre nos deleitando em nosso estado catatônico de humanidade caída e rejeitada, não nos desprendendo de tal substancia depravada em nosso interior e com a qual somos acometidos pelo desanimo ao decorrer da vida ao se deparar com nossa situação.
Que vida o homem pode ter longe de Deus, pois seria como as gramas longe da terra, e nossos pés longe do solo, seriamos como o dia sem sol, o verão sem chuva, o casamento sem amor, como dormir e não descansar, pois sem Deus nossas petições e conhecimentos são de nenhum valor, pois seriam como lágrimas na chuva que escorrem de nossos olhos e se juntam as gotas d’agua, e não dando sentido em nada.
Mas existe o verdadeiro sentido pelo qual o homem busca a compreensão, pelo qual ele busca o conhecimento, pelo qual ele busca o amor, o carinho, pelo qual ele busca o sentido da ‘BUSCA’.


‘Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida;
ninguém vem ao Pai, senão por mim.
João 14:6’

Nossa vida está tão somente correta na compreensão do Cristo vivo, do amado cordeiro de Deus, da vida não superficial, mas profunda no amor, se o homem busca a vida ele somente a encontrara em Cristo Jesus, o qual se doou em vida por muitos os quais foram destinados a saborearem a supremacia do amor, e pelo qual seus comportamentos são transformados a ponto de não serem simples homens mais de que ‘ Cristo viva neles’.
E que nós possamos compreender essa graça que nos foi dada pelo sacrifício de Cristo na Cruz do calvário para que nossos corações não mais busquem os desejos desta nossa carne caída, mas sim das que nos foram impostas pela maravilhosa graça do Deus pai por meio de seu único filho Jesus Cristo, o qual que por muito amor nos deu a presença do Espirito Santo com o qual nos deparamos todos os dias de nossas vidas.
Que ao doador do sentido da vida seja dada a honra e a glória para sempre, amém.
Sola Gratia
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui