Adolescentes sequestradas em Chibok são libertadas em troca de militantes do Boko Haram

0
337
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O grupo extremista islâmico Boko Haram libertou 21 adolescentes, que foram sequestradas na cidade de Chibok, Nigéria, em abril de 2014. Elas foram entregues em Maidugiri, capital do estado de Borno (onde o grupo tem mais força), de acordo com o porta-voz do governo nigeriano.


Foi confirmado que as garotas foram libertadas em troca de quatro integrantes do grupo, capturados pelo exército nigeriano. O governo suíço também agiu como intermediador durante as negociações. Porém, o governo nigeriano nega qualquer negociação, e que a soltura das garotas foi fruto de negociações meticulosas e de confiança de ambos os lados.
Joel Billi, pastor e presidente da igreja Ekeklesiya Yan’uwa, disse ao jornal que das moças sequestradas, 201 pertenciam a sua comunidade. “Eu ficaria feliz se ao menos uma delas fossem libertas, e ouvir que 21 estão livres, eu fico realmente muito feliz”, disse o pastor. “Meu coração se alegra em saber que em breve a maioria delas, senão todas, estarão livres.”
Já faz dois anos e meio que as 275 garotas foram sequestradas de seus dormitórios em Chibok, no nordeste do estado de Borno. O desaparecimento delas foi título de manchetes no mundo todo, e espalhou várias postagens com a hashtag #tragamnossasgarotasdevolta (#bringbackourgirls, em inglês).
Desde então, essa é a primeira vez que as garotas são libertadas, embora uma delas tenha escapado juntamente com seu bebê no último mês de maio. Amina Nkeki foi encontrada na floresta de Sambisa, próximo à fronteira com Camarões. (Dois dias depois o exército Nigeriano informou que havia resgatado uma segunda garota, Serah Luka, que acreditavam ser filha de um pastor, e que ela não estava junto com as demais garotas sequestradas em Chibok).
Em setembro, o governo nigeriano finalmente divulgou detalhes sobre a sua incapacidade de libertar as meninas, durante as negociações que começaram em julho de 2015, logo após o presidente Muhammadu assumir o cargo.
Por três vezes, as negociações de libertação falharam. Na primeira vez, no último minuto, mesmo após o governo ter concordado em libertar integrantes do grupo islâmico, as negociações falharam. Na segunda vez, quando estava quase tudo certo, um dos membros chave do grupo foi assassinado.
Em agosto, o grupo Boko Haram publicou um vídeo, onde mostra as garotas sequestradas em Chibok, fisicamente abatidas e traumatizadas. Nele, um homem mascarado aparece exigindo a libertação de alguns dos militantes, em troca das garotas. Uma delas, chamada de Maida Yakubu, pede ao seus pais que façam um apelo junto ao governo para que aceite a exigência.

Assine o Blesss

***
Traduzido por Edward Taiye Ogunniya no Consciência Cristã

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui