Pastores, gerentes de lojas, construtores, ou…

14
511
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Os pastores estão abandonando seus postos, desviando-se para a direita e para a esquerda, com freqüência alarmante. Isso não quer dizer que estejam deixando a Igreja e sendo contratados por alguma empresa. As congregações ainda pagam seus salários, o nome deles ainda consta no boletim dominical e continuam a subir ao púl­pito domingo após domingo.
O que estão abandonando é o posto, o chamado. Prostituíram-se após outros deuses.
Aquilo que fazem e alegam ser ministério pastoral não tem a menor relação com as ati­tudes dos pastores que fizeram a história nos últimos vinte séculos. Alguns, e me incluo entre estes, estão irados com essa situ­ação, porque se sentem abandonados. Meus colegas me ensina­ram o que é o ministério, mediram minha capacidade, ordenaram-me e colocaram-me como pastor de uma congregação. Pouco tempo depois, afastaram-se de mim, dizendo ter interesses mais urgentes. Aqueles que eu pensei que seriam os meus companhei­ros na carreira desapareceram quando o trabalho começou. Ser pastor é uma tarefa difícil. Por isso, queremos aliados, para nos fazer companhia e nos aconselhar.
Existem pessoas de quem se espera, com toda razão, que compartilhem a aventura e os com­promissos do trabalho pastoral. Quando entro em uma sala, cheia dessas pessoas e, dez minutos depois, percebo que elas não são o que eu esperava, sofro um desapontamento doloroso. Elas falam de idéias e estatísticas, citam nomes, discutem influência e status. A matéria-prima com que trabalham não inclui os assuntos de Deus, nem a alma e nem a Bíblia.
Os pastores se transformaram em um grupo de gerentes de lojas, sendo que os estabelecimentos comerciais que dirigem são as igrejas. As preocupações são as mesmas dos gerentes: como manter os clientes felizes, como atraí-los para que não vão às lojas concorrentes que ficam na mesma rua, como embalar os produtos de forma que os consumidores gastem mais dinheiro com eles.
Alguns pastores são ótimos gerentes, atraindo muitos consumi­dores, levantando grandes somas em dinheiro e desenvolvendo uma excelente reputação. Ainda assim, o que fazem é gerenciar uma loja. Religiosa mas, de toda forma, uma loja. Esses empreendedores têm sua mente ocupada por estratégias semelhantes às de franquias de fast-food e, quando dormem, sonham com o sucesso que atrai a atenção da mídia. Diz Martin Thornton: “Uma congregação enorme é algo bom e agradável, mas a maior parte das comunidades precisa mesmo é de alguns santos. A tragédia é que pode ser que eles estejam lá, como embriões, esperando ser descobertos, precisando de treinamento efi­ciente, aguardando ser libertados do culto à mediocridade.”
A verdade bíblica é que não existem igrejas cheias de suces­so. Pelo contrário, o que há são comunidades de pecadores, reuni­dos semana após semana perante Deus em cidades e vilarejos por todo o mundo. O Espírito Santo os reúne e trabalha neles. Nessas comunidades de pecadores, um é chamado pastor e se torna res­ponsável por manter todos atentos a Deus. E é essa responsabilida­de que tem sido completamente abandonada.
“De mim se apoderou a indignação…” (Salmo 119:53).
Não sei quantos compartilham de minha indignação. Posso citar al­guns nomes, mas não creio que haja muitos como nós.
Será que ainda existem sete mil que não dobraram os joelhos perante Baal?
Haverá um número suficiente para sermos identificados como uma minoria?
Acredito que sim.
De vez em quando, conseguimos identificar-nos um com o outro, e algumas minorias já conseguiram grandes realizações. E deve haver alguns gerentes de lojas que estão descobrindo que o ensopado pelo qual trocaram seu direito de primogenitura é sem sabor e estão, com tristeza, trabalhando pela restauração de seu chamado.
Será essa tristeza uma brasa, com força suficiente para se tornar uma labareda de repúdio à deserção que havia acontecido?
Voltará a Palavra de Deus a ser como fogo na boca deles?
Poderá a minha indignação ser como um fole que sopra esse carvão?
(Eugene Peterson, introdução do Um pastor segundo o coração de Deus.)

***

Assine o Blesss

Fonte: Bereiano. Divulgação: Púlpito Cristão.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

14 COMENTÁRIOS

  1. Prezado Autor,

    sou solidário as suas dores. A verdade das nossas igrejas é que a vida mundana, penetrou nas atitudes dos seus pastores e membros.

    Precisamos ter… A transformação no "Ser" não é possível e não é aceita. As atitudes são extremamentes reprováveis e sofríveis.

    Pastores que humilham, soberbos, insanos, hipócritas; realmente a Casa do Senhor está contaminada, lamentável.

    Temos a obrigação pela falta de concordância, de transformar por nossos exemplos os seguidores de Jesus.

    Muitos envergonham o Evangelho de Deus- por algumas migalhas, para adquirirem o seu status. Que tal uma casa ampla e confortável e um luxuoso carro, para o seu "ser"?

    A teologia da prosperidade está aí mesmo.

    Vejamos os exemplos do Senhor Jesus quando passou por esta Terra: pela hombridade e amor devemos segui-lo.

  2. Realmente o evangelho está totalmente distorcido, estamos vivendo a pior época da igreja, estou muito decepcionado quanto a esses fatos e a outros que me chocam ainda muito.O ministério de louvor.
    As igrejas estão criando ídolos e não pessoas que adorem à DEUS em espírito e em verdade.
    Só quem está lá em cima, no auge da fama desse estrelismo gospel tem a oportunidade de gravar, de mostrar os seus talentos.
    Enquanto muitos tem experiências com DEUS compõe lindos louvores a luz das escrituras sagradas.
    Mas não podem louvar, porque esses não atraem um grande número de pessoas nas igrejas.Mas os famosos artistas gospel tem total apoio de muitos ministérios, cobram caro, os pastores dão um jeito e pagam, a conclusão que tiro de tudo isso é que…
    Estão criando ídolos e não adoradores.
    Meu DEUS !!!!

  3. bom saber que essa indignação que eu sinto não é coisa da minha cabeça. É impossível olhar pra situação da igreja hoje e não sentir isso, por mais que tento olhar para o lado positivo, tá difícil.

  4. A maioria dos pastores deixaram de lado o chamado e se enveredaram por estradas de declínio sórdido.
    A igreja de hoje virou uma casa da mãe Joana, pastores que fizeram da casa de Deus um trampolim para a política, negociam objetos escusos, amuletos e patoás a fim de enriquecerem ilicitamente.
    Deixaram o que é de Deus para negociar com o Diabo.
    Alguns se transformaram em ditadores e trazem o rebanho na coleira, esquecendo que são ovelhas de Cristo.
    Outros são tão libertinos que chegam a ser malignos em seus atos caseiros e íntimos.
    Querem dinheiro, posição, poder, fama, sucesso e tudo o que carne deseja desenfreadamente.
    Pra piorar a situação vivemos em país onde as autoridades se corromperam escandalosamente, a impunidade causa nojo nas pessoas de bem.
    Estão fazendo o que há de mais imoral com as escrituras.
    Tem pastor que não satisfeito com o próprio Deus se tornou coronel da homofobia e racista em primeiro grau, assim como há entre o povo que se diz de Deus, muitos assim.
    Jamais convidariam um irmão negro para se assentar na mesa de sua casa, são escarnecedores e amigos dos corruptos do mais baixo nível.
    Eu mesmo conheço pastores assim, venais, promotores de cultos frios e desonestos para com o Espírito Santo.
    Que tipo de igreja está sendo levantada hoje, com tantos atormentados espirituais ensinando tudo de errado e confrontando o Deus vivo em suas carnalidades assassinas.
    Devemos parar de bajular esses pavões de Satanás, pois em que lugar da Bíblia sagrada Deus diz que todos os pastores são ungidos???
    Isto já está se tornando um circo de horrores, o povo não lê Bíblia e quer falar o que não sabe e nem entende.
    Em que estas pessoas apoiadas em charlatões da fé se baseiam para transformar a igreja de nosso Senhor Jesus Cristo em um antro de perdições e nada tem haver com as sagradas escrituras?
    Deus nos livre dessa matilha de desviados untados por demônios e com suas vidas profanas e decaidos.

  5. Bom texto não sou pastor mas vejo isso na minha igreja , o interesse é pelo dinheiro , o dinheiro fala mais alto que tudo nas igrejas de hj, faz tempo que não ouço uma pregação de salvação, tem desafios, tem rifas , tem de tudo para arrancar o dinheiro suado dos fieis, não aguento mais, ja não estou acreditando no que sai do altar um lugar santo, estou muito triste , e sinto que a igreja que frenquento a mais de 5 anos onde me converti me livrei das dogras , esta numa apostasia completa, voltamos ao primeiro amor , AMEM

  6. Compartilho dessa desilusão. Precisamos ter muito cuidado como ovelhas pra não nos abalarmos e não nos desviarmos nem pra direita nem pra esquerda por conta da nossa indignação com determinadas atitudes de pastores desse tipo, é difícil compreender, mas (respondendo ao João Ferreira) toda autoridade vem sim de Deus (Romanos 13:1).
    Importa que continuemos crendo e adorando o nosso Senhor independente do pastor… pois assim como nós, eles serão cobrados de suas atitudes.
    Que Deus nos guarde de todo mal!

  7. IRMÃOS, a paz de Cristo a todos. Concordo com vocês pois vivo os mesmos conflitos que vos, apesar de não ser pastor. Me congrego em uma igreja há mais de 50 anos, desde criança. Vejo que acontecem mudanças dentro dela, que já não é a mesma, sendo que cada geração que vem aparecem mais inovações, mercenários assumindo os púlpitos, por ter formação acadêmica em administração vejo as mesmas estratégias marketeiras usadas em vendas pelas empresas, as quais aprendi na faculdade. Estava assistindo em um telejornal que o livro biográfico de um certo bispo brasileiro de uma igreja pseudo-evangélica, traduzido para o inglês, em seu lançamento em Londres havia uma fila de muitos quilômetros para comprar o livro. Fiquei me perguntando se ele não é o anticristo, pq de Cristo eu sei que ele não é. Mas vai uma exortação: "Quando virdes estas coisas acontecerem, não entristeçais os vossos corações, mas alegrai-vos porque a vossa redenção está próxima" LC 21.28. Fiquem firmes em Cristo que é a rocha inabalável. Maranata!

  8. Meu irmão, quando olho para o interesse da minha igreja para o estudo da palavra, missões, pregação do evangelho e principalmente viver o evangelho, me bate uma tristeza muito grande, e em alguns momentos fico questionando se ha algo errado conosco e se essas igrejas que vivem super lotadas, com muitas inovações, estão certas, porque infelizmente na maioria das vezes nós só damos valor ou julgamos que o ministério é bem sucedido, quando vemos um resultado quantitativo. Que o senhor tenha misericórdia de nós.

  9. Acredito que o maior problema se originou no meio da formação desses crentes como discípulos. Chego a compreender a necessidade desses homens e mulheres que chegaram a entender que a vida pastoral não é o sonho religioso e espiritualista cheio de boas ações com pecadores arrependidos que simplesmente desejam mudança.
    A realidade é que hoje não é mais necessário ter somente um conhecimento de vida com Deus, é necessário que saiba-se conceitos de psicologia, administração, teologia, comunicação social entre outros. Grande parte desses chegou ao ministério porque viram uma forma de emprego, seus líderes viram neles alguma capacidade de liderança, a qual caiu sobre seus ombros confortavelmente e os levou ao título de bacharel, com ordenação salarial para gestão de grupos eclesiásticos. É triste mas, são realmente poucos os que tem um chamado é que decidem "carregar no corpo as marcas de Cristo".

  10. É por isso que precisamos de autêntico avivamento – ou seria reavivamento? Bom, o fato é que isso tem que acontecer o mais rápido possível porque a coisa "tá" feia.

  11. Eu tive uma grande decepcao com o meu ex chorao (pastor), tô pra ver um homem chorar tanto no pulpito pedidndo ajuda nao para a obra mai para si propio, alegava não ter dinheiro pra nada, pedia feira, ajuda de todo tipo, um casal novo que resolveu nao trabalhar mais na vida secular, nem tâo pouco na cristã, nos os fieis e que segurava tudo, acordava na hora que queria,e repetia sempre as mesmas pregações,não estudava, não lia um livro sequer.

    E hoje ao me despertar do pesadelo, estou cobrando um dinheiro correspondente a um Construcard que ele me pedio para fazer,eu como recem convertido cai na labia dele, estou com o meu nome sujo, e ainda devo a Caixa Economica o equivalente a R$ 18.000,00 dezoito mil reais deste Construcard que ele nao pagou sequer uma parcela,esta de carro zero,construindo uma Igreja, e alega que não me deve nada. E nas pregações alega ser um Paulo, sofredor, correto, honesto, não teme ao julgamento do senhor.
    Estamos na cidade de Cabedelo na Paraiba, e uma vergonha para o ministerio pastoral este tipo de gente.

    Ele se chama Pr Jorge Luis, quem conhecer que fuja…

    Estou nesta situação, mais não perco a fé, e não abandono a Palavra, peço desculpas aos Pastores realmente Pastores.

    A Paz, a todos……

  12. A FARRA INDUSTRIAL DA SECA
    A INDÚSTRIA DA SECA é disfarçar a verdade de aqueles que não têm um bom entendimento de quando está sendo enganado.
    DILMA faz duas viagens ao seco NORDESTE em duas semanas consecutivas, o NORDESTE é um reduto eleitoral tradicional principalmente agora em dois mil e catorze, os políticos chamam de reduto, igual ponto de concentração digo curral eleitoreiro que a corrupção manda e desmanda.
    A SECA não é para sempre como a DILMA diz, a seca se prolonga por falta de verdade e amor a Natureza deste GOVERNO.
    DILMA anuncia a ampliação de programas Federais como novas medidas seculares em épocas de Eleições no valor de nove bilhões incluindo 2,1bilhoes em novos equipamentos para os municípios, tipos de equipamentos não citados, e 3,1 bilhões em renegociação de divida para os produtores continuarem a serem enganados, e além destes, a construção de cisternas e o fornecimento de carros-pipas para as PREFEITURAS que trocam agua por votos e a perfuração de poços para os seus amigos e a prorrogação da esmola bolças estiagem.
    RDC É REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÃO RDC para obras do PROGRAMA DE ACELERAÇÃO DA CORRUPÇÃO PAC. ISSO quer dizer derramar dinheiro para enganar os menos esclarecidos, e além do mais, titularidades de terras, licenciamento Ambiental, e a liberação de recursos sem licitação, e os políticos do seu grupo rindo das façanhas ou jogo de cintura do GOVERNO DILMA e o MINISTÉRIO PUBLICA continua sua boa ação contra a sociedade e persistem calados e omissos a estas questões.
    DILMA diz que está reafirmando uma parceria com o povo NORDESTINO ou com os políticos da teia do mal.
    DILMA ainda diz, nos do GOVERNO FEDERAL não poupamos esforços e nem recursos para melhorar os impactos e efeitos da seca sobre a população atingida. Isso é derramar dinheiro e enganar os fracos.
    A MINISTRA ISABELLA TEIXEIRA E A ONU SE ESQUECERAM DO MEIO AMBIENTE BRASILEIRO eles se esconderam nas questões tornar potáveis e os RIOS JEQUITINHONHA E PARAGUAÇU, que terão as suas margens reflorestadas com suas respectivas matas ciliares e os cílios que os CIENTISTAS jamais falaram para que serve ou citaram esta palavra alguma vez. OS NORDESTINOS precisam de agua para produzir alimentos e esse Governo está a quem deste grande item de primeira necessidade para o bem da vida. O DONO do PLANETA quer esses bens para o povo honesto que produz as riquezas destes PAIS.
    DILMA o seu GOVERNO está deixando o BRASIL em má situação, e os ECONOMISTAS criticam a sua fala em todo lugar no MUNDO. O ALEXANDRE TOMBINE tentou consertar os seus erros mais a emenda ficou pior que o soneto.
    Juíza reage e dispara contra suspeito de assalto e quem paga as contas está sempre refém dos bandidos e o JUDICIARIO não descobriu que essa cassa e procura é falta de empregos, essas pessoas estão no gueto e o GOVERNO foge quando alguém fala em criar empregos qual a solução então?
    O PROJETO de lei dos domésticos é se esquecerem de que homens também trabalham como domestico, e o projeto foi tão bem elaborado que essa classe sofreu demissão de 2.5 mil em FEVEREIRO essa é uma das provas do cuidado que esse Governo tem com os pobres.
    PRODUÇÃO DE PETROLEO cai 1.8%. PRODUÇÃO INDUSTRIAL tem pior resultado desde 2008. O BANCO CENTRAL sabe que a inflação é inevitável. INDÚSTRIA na região do ABC fecha 315 postos de trabalho. CONTAS DO GOVERNO tem o pior mês em FEVEREIRO. CUSTO BRASIL é um absurdo vergonhoso. A LOGISTICA foi programada para amarrar o nosso PAIS no atraso. AREA TRIBUTARIA os técnicos terão que ser wizzard.
    POLITICOS QUE SÓ CONTRIBUIRAM COM OS DESMANDOS estão arrastando o PAIS para o precipício as palavras certas são contribuir ou contribuição para o bem está das pessoas
    DILMA QUER ENGANAR AS MULHERES COM SEIS MIL CRECHES que vocês receberam depois das Eleições de dois mil e catorze iguais ás casas dos sem tetos de PARATI, ANGRAS DOS REIS, E MORRO DO BUMBA, honre o seu voto.
    O PODEROSO DEUS DE ABRAÃO ESTÁ REUNINDO A SUA IGREJA E LÁ NÃO TEM SACOLINHA.
    JOÃO DE DEUS FERREIRA.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui