IGREJA EMERGENTE OU DECADENTE

9
108
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Samuel Torralbo
Dentro do cenário religioso evangélico brasileiro, algumas mudanças substanciais começam a se tornarem evidentes, como por exemplo, o crescimento do neopentecostalismo, e das igrejas conhecidas como emergentes.
Em síntese o neo pentecostalismo propõe – 1) Mudança no relacionamento entre a liderança e os liderados (onde o líder não é mais uma figura burocrática ou inacessível), mas antes, a figura do líder se torna uma espécie de viabilizador ou promotor de projetos (sua autoridade eclesiástica objetiva as soluções imediatas de problemas dos liderados); 2) Nova interpretação na aplicação do poder do Espírito Santo (o cristão não busca mais o poder do Espírito Santo para vencer o pecado, viver em santidade ou manter a comunhão com Deus, mas o poder do Espírito Santo viabiliza o bem estar, conforto e prosperidade material); 3) Relativizar a importância da teologia bíblica na vida cristã, enquanto que, se valoriza a experiência pessoal como a uma regra de fé (normalmente o líder se torna uma pessoa iluminada que detém poderes supra humanos, onde exerce uma espécie de sacerdócio mediador entre Deus e o liderado); 4) Descaracterizar a busca pelo genuíno avivamento bíblico (prática comum nas igrejas pentecostais e tradicionais), enquanto que, se cultiva a crença, de que, a espiritualidade e consequentemente o avivamento bíblico, encontra-se diretamente condicionada e relacionada a prosperidade e ao sucesso material.
A teologia mais comum entre as igrejas neopentecostais é a teologia da prosperidade, que pavimenta toda expressão doutrinaria e comportamental dos seus adeptos e liderança.
Enquanto que, as igrejas neopentecostais em sua grande maioria é fruto de lideranças que romperam com as igrejas pentecostais históricas, o que consequentemente carrega consigo a influencia do pentecostalismo histórico, outras igrejas emergentes em sua grande maioria é fruto de uma nova liderança que surge dentro do contexto da pós-modernidade, sem nenhum lastro com igrejas históricas.
Em síntese as igrejas emergentes propõe – 1) A contextualização da Igreja na pós-modernidade (onde eventualmente se observa a deturpação da doutrina ortodoxa, em favor de novos modelos e modismos); 2) Focar o individuo com suas necessidades e ansiedades (podendo correr o risco de secularizar os preceitos eternos de Deus, em beneficio do individuo); 3) Contrariar o modelo da igreja histórica (não fazendo distinção entre aquilo que é saudável e as coisas que precisam melhorar no cristianismo histórico); 4) Uma nova opção para indivíduos contrariados ou desgostosos com as igrejas institucionalizadas, juntamente com uma nova proposta de comunidade cristã isenta dos mecanismos “pesados” da institucionalização eclesiástica.
A teologia mais comum entre as igrejas emergentes é uma teologia relativista ou liberal que busca se ajustar de acordo com as circunstâncias e conveniências das demandas humanas.
Segundo, John Macarthur: “No movimento da Igreja Emergente, a verdade (seja qual for o grau de reconhecimento desse conceito) é admitida como algo inerentemente obscuro, indistinto, incerto e, em última análise, talvez até incognoscível”. (JOHN MACARTHUR, 2010, p. 10)
Conteúdo, o autor Dan Kimball afirma que “reconhece que há vozes dissonantes dentro do movimento, e faz distinção entre igrejas emergentes e igrejas que estão emergindo. Seja como for, sua abordagem corrobora a ideia de que existem pelo menos duas facções dentro do movimento. As igrejas emergentes, neste caso, seriam caracterizadas por uma teologia liberal e liderança descentralizada, enquanto as igrejas que estão emergindo (ou emergentes conservadoras), embora nutridas do mesmo desejo de alcançar a geração pós-moderna, são culturalmente liberais, mas possuem uma doutrina ortodoxa, fazendo clara distinção entre evangelho e cultura”.
De modo que, a proposta de reflexão sobre os rumos e mudanças característicos da pós modernidade, e como que, a Igreja de Cristo Jesus pode continuar influenciando e alcançando as pessoas através do evangelho, é saudável e importante. Porém, desconsiderar tudo aquilo que a igreja de Jesus já realizou até o presente momento, e ainda acreditar que podem descobrir novas fórmulas mágicas, ou um novo modelo ideal de igreja no Século XXI, é no mínimo uma demonstração de ingenuidade ou insanidade por parte daqueles que acabam cultuam formatos e fórmulas, ao invés de continuarem se rendendo e promovendo o que trouxe a Igreja de Cristo Jesus até aqui – O Evangelho.
***
Samuel Torralbo é teólog e parceiro do Púlpito Cristão.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

9 COMENTÁRIOS

  1. Boa noite.
    Sei que estamos vivendo em uma época onde se tem falsos profetas e com a luz do Espírito Santo dentro da palavra de Deus podemos identifica-los.
    Você não acha que hoje seria necessário realizar uma nova reforma protestante como da
    época de Lutero? Se tivesse uma verdadeira revolução do evangelho gostaria de colocar as seguintes propostas:

    1. Praticar o evangelho puro e simples como na igreja primitiva de ATOS.

    2. Pregar a salvação, pois é a mensagem principal da palavra de Deus (Temos um Deus poderoso, somos pecadores e Deus tem plano de salvação para a humanidade que é pela graça mediante a fé para realizarmos as boas obras)

    3. Toda Igreja Cristã com os dízimos e ofertas deveria apresentar aos seus membros os gastos da igreja e a destinação para obras sociais, conforme evangelho.
    OBS: Ninguém pode dar dízimo e ofertas com intenção de receber algo em troca, pois isto é barganha e Deus não faz barganha com ninguém.
    Jesus nunca prometeu riqueza ou vida fácil nesta Terra!

    4. Enfatizar a pregação do evangelho(Salvação pela graça) através de missões ,pois a igreja deve estimular a evangelização para os moradores de rua, pessoas nos hospitais, nos abrigos, nas casas, etc, mostrando qual é a esperança que nos move.

    5. Mostrar que o evangelho espetaculoso não provem de Deus, pois as igrejas tem que ser como Jesus. Como que Jesus fazia na época Dele? Jesus é o nosso modelo de vida. Jesus não caía no poder,não falava em línguas estranhas(glossolalia) etc.

    6. Seguir somente a palavra de Deus, tudo que for diferente do que a palavra informa, não devemos realizar.

    7. Não trazer coisas do mundo para a igreja, como exemplos músicas que mal falam de Deus, política do mundo, etc.

    8. Não colocar política no púlpito da igreja, pois lá é local somente da pregação da palavra de Deus e não de pedir votos a candidatos, se algum cristão quer se candidato a algum cargo político, ele terá que bater em cada porta para conseguir ganhar eleição. O cristão candidato terá que sair de qualquer cargo da igreja para se candidatar .

    E outras coisas mais. O mundo(política,músicas mundanas,etc) tem entrado dentro das igrejas e isto tem sujado o verdadeiro evangelho de Deus que é puro e simples.
    Tiago 1:27-"A religião pura e imaculada diante de nosso Deus e Pai é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas aflições e guardar-se isento da corrupção do mundo. "
    São as doutrinas que separam as igrejas ou o ser humano que faz distinções, pois a religião verdadeira para Deus é aquela que ajuda os necessitados em suas tribulações e se mantém incontaminada do mundo.
    “De acordo com Paulo, a igreja cristã é uma virgem pura, a noiva de Cristo – um símbolo usado para retratar a igreja amada de Cristo.”
    O que você acha sobre uma nova reforma no século XXI?
    Deus seja convosco

  2. O evangelho " barato " , da prosperidade e de negócios com Deus, está ocupando espaço no mundo porquê a igreja verdadeira não o ocupou. Não foi ousada de se apresentar ao mundo como mensageira da verdadeira palavra de Deus.

    Agora fica muito mais difícil "mudar" a cultura e quebrar paradigmas implantado na cabeça de quem também só busca a Deus para chegar " ao sucesso ".

    Aonde vemos mais ação e menos discussões "filosóficas" da igreja verdadeira para impactar o mundo ???

    Quem fecha comigo ????

  3. Um recado aos neo pentecostais: Sem o Espírito Santo não seria possível nem crer em Jesus. Ele vai dar bem estar mas você é convertido de verdade para que se faça isso???

  4. Temos dois tipos de igreja a que proíbe tudo e inventa cada coisa que até o Diabo duvida.
    Em Juiz de Fora MG tem uma que proíbe as irmãs de se depilarem e principalmente as partes intimas.
    Quem será o safado que investiga se alguma irmã tem a florzinha peluda ou raspadinha?
    Por outro lado temos a igreja libertina, o irmão adora expor as nádegas maravilhosas da esposa afim de provar que na sua igreja só que unge as cobiçadas é o ungidão, cheio de filosofias baratas e psicologia pra arrancar tudo o que pode das ovelhas e sustentar seus filhos nas mais caras faculdades americanas, sem falar nas mansões, iates, aviões, fazendas e o Diabo a quatro.
    Afinal este é o Brasil, tudo não passa de uma novela mexicana, e assim assistimos as barbaridades desse povo que que se diz de Deus.

  5. Bem e meio dificil de acreditar, nesta ai da proibiçao da depilaçao. mas…
    ontem passei em frente ha um aniversario. o som bem alto era so musica gospel, mas a ornamentaçao era do ben 10.
    na mesa de alguns convidados haviam latinha de cerveja.
    nao sei se este meu comentario tem algo haver com o post. mas eu achei interessante faze-lo. sera que esta ja é uma realidade que faz parte de muitas familias evangelicas.
    ah a familia e evangelica da C E I A.

  6. Tudo que li não tem nada a ver com Jesus. Em certos pontos existe as ocupações de certos requisitos que tem sentido como por exemplo falar línguas estranhas, isto é uma palhaçada, pular, gritar enquanto usa da palavra. Outra coisa nenhum sã cristão ou frequentador de igrejas tem a condição, o prazer a satisfação neste mundo de receber o ESPÍRITO SANTO e tem mais Jesus pregou o Evangelho ele não pregou Igreja tudo isto foi inventado pelos homens. Hoje se fala que o Brasil é um país emergente e aproveitando a deixa se tem agora as igrejas emergentes, ora me poupem. Os que por aqui passam pelo Púlpito Cristão, não são Marionetes, não serão jamais manipulados e jamais farão missa-cene na igreja que frequenta. Cantores gospel, forró, hip-hop, e todos os rítimos hoje se ver nas igrejas não se escuta mais hinos e alguns cantores que tem bela voz e louvam a Deus através da música não são evangélico como é o caso de Marco Antonio o Deputado Federal que já foi vendedor de picolé, de cocada, cobrador de Kombi (Perua) na cidade de São Lourenço da Mata-PE, bebe e quiça fuma. Repito as palavras de Jesus na Cruz: PERDOAI SENHOR ELES NÃO SABEM O QUE ESTá FAZENDO.

  7. Rafael, você não está falando de uma nova revolução, porém só mais uma nova igreja pentecostal.

    Rapaz, se queremos uma reforma (e eu quero) tem que começar por cada um de nós e não de uma multidão de uma só vez. Vide Lutero.

    Se queremos modelo de Cristo, temos que evangelizar sem construir igrejas. Ele tinha como usar as igrejas das épocas para pregar, mas combateu a igreja e saiu para o povo que é mais importante do que a igreja de quatro paredes.

    Se igreja (de 4 paredes) fosse bom Jesus teria construídos várias filiais (congregações) e o lucro seria excelente. Já pensou a igreja de Jesus?

    O que vemos hoje é um absurdo. E parece que só tem crente cego!

  8. Boa tarde Sandro.
    Concordo com você que a mudança começa por nós.
    A minha proposta é seguir realmente o evangelho,conforme Jesus nos ensinou,não filosofias humanas,pois o evangelho é puro e simples.Mudar as estruturas da igreja não significa surgir uma nova igreja,mas sim a forma como o evangelho é pregado hoje.As pessoas não vão pregar realmente para aqueles que precisam, que estão no sertão do nordeste passando fome, nas favelas, nos hospitais,para os moradores de rua.Vejo pouca igreja fazendo isto realmente. Para estas mudanças depende de nós.Pois Cristo não disse para ir e pregar para todos e fazer discípulos!Todo cristão conhecendo a palavra de Deus deve pregar a salvação para o próximo,inclusive nós!

    "… Vão pelo mundo todo e preguem o evangelho a todas as pessoas." (Marcos 16.15/NVI)

    "Portanto, vão e façam discípulos de todas as nações…" (Mateus 28.19/NVI)

    "… e serão minha testemunhas … até os confins da terra." (Atos 1.8/NVI)

    1. Eu não sou pentecostal.Vide proposta que fiz para seguirmos somente JESUS COMO MODELO,ONDE ELE NÃO CAIA NO PODER E NEM FALAVA EM LÍNGUAS ESTRANHAS(GLOSSOLALIA).

    2.As pessoas de qualquer denominação religiosa merecem todo respeito e carinho.Ninguém pode fazer declarações que firam a fé e os costumes de quem pensa diferente de nós.

    3.Jesus pregava em diversos templos da época.

    (Tradução João Ferreira Almeida Atualizada)

    João 10:23 -"Andava Jesus passeando no templo, no pórtico de Salomão."

    João 7:14 – "Estando, pois, a festa já em meio, subiu Jesus ao templo e começou a ensinar."

    Mateus 24:1 – "Ora, Jesus, tendo saído do templo, ia-se retirando, quando se aproximaram dele os seus discípulos, para lhe mostrarem os edifícios do templo."

    Lucas 6:46-49- "E aconteceu que, passados três dias, o acharam no templo, sentado no meio dos doutores, ouvindo-os, e interrogando-os.
    47 E todos os que o ouviam se admiravam da sua inteligência e das suas respostas.
    48 Quando o viram, ficaram maravilhados, e disse-lhe sua mãe: Filho, por que procedeste assim para conosco? Eis que teu pai e eu ansiosos te procurávamos.
    49 Respondeu-lhes ele: Por que me procuráveis? Não sabíeis que eu devia estar na casa de meu Pai?"

    A igreja são as pessoas, mas para pregar a palavra é necessário um espaço físico,como na época de Jesus,para falar do amor de Deus.

    O amor(agape em grego) é a linguagem universal do Cristão e isto está faltando para esta geração,por isso poucos estão indo pregar o verdadeiro evangelho.
    Abraços Irmão e Deus Seja contigo

  9. Graça e Paz!

    Concordo com voçê Paulo Cesar, porém, mesmo diante de tantas heresias, precisamos pregar o verdadeiro Evangelho, a decadência do homem e a Glória de Deus, somente assim conseguiremos que o Espirito Santo possa alcançar alguns.
    Fique na Paz!

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui