Programa Academia em Debate – Especial de Natal

6
351
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

***
Fonte: Augustus Nicodemus, via Facebook

Assine o Blesss
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

6 COMENTÁRIOS

  1. Que nós hoje festejemos o nascimento de Cristo e não o seu comércio. Que os irmãos tenham vida e vida com abundância, que a misericórdia e a graça estejam convosco, que a providência de Deus vos protejais. E que o Espírito Santo console vossos corações. Amém.

  2. Muito providencial as explicações de Augusto Nicodemos são esta pequenas coisas que nos encuca mais tira muitas dúvidas. Para mim que sou evangélico batista adorei as explicações e peço a Augusto que nos explique em outra oportunidade essa tal MISSA DO GALO, o que o galo tem haver na vida de Jesus? sera que se faz porque Jesus disse a Pedro que antes do galo cantar ele desconheceria a Jesus. Só tem esta passagem na bíblia não conheço outro falar de galo.

  3. Dr Nicodemus, me perdoe, mas eu não consigo concordar com o senhor. O considero academico demais, catedradico demais e entendo que o senhor perdeu a rudez boa do evangelho.

  4. O Nicodemos diz ai no video que o nome do Salvador é o mesmo que Josué em Hebraico. Se é o mesmo nome em Hebraico por qual motivo Josué é Josué e Jesus é Jesus??????????? Alguem está mentindo nesta estória.

    Quanto ao natal, a data não passa de uma continuidade do Mitraismo, a principal religião romana. Os romanos adoram o sol até hoje, e Mitra é o deus sol personificado, para eles, e sua data de nascimento sempre foi 25 de dezembro. Quem comemora o natal, comemora mitra! Disfarsado com o nome inventado de jesus. A missa do galo é justamente pq os romanos consideravam o galo sagrado por ter a crista que simboliza os raios de sol, simbolo usado até nos capacetes dos soldados romanos. É também o nome "cristo" vindo da relação com a crista. Vc`s tem como deus o Mitra romano disfarsado do nome "jesus cristo"! Esta é a verdade!

  5. Sempre que a mensagem de verdade se apresenta às almas com
    especial poder, Satanás suscita seus instrumentos para disputarem sobre qualquer ponto de somenos importância. Procura assim desviar a atenção do verdadeiro assunto. Quando quer que se comece uma boa obra, há pessoas prontas a suscitar discussões sobre formas e detalhes de técnica, para desviar as mentes das realidades vivas.
    Quando parece que Deus está prestes a operar de maneira especial em benefício de Seu povo, não se empenhe este em disputas que só trarão ruína de almas. Os pontos que mais nos interessam, são: Creio eu com salvadora fé no Filho de Deus? Está minha vida em harmonia com a lei divina? “Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida.” “E nisto sabemos que O conhecemos: se guardamos os Seus mandamentos”.
    João 3:36; 1 João 2:3.

    Toda invenção humana que tem substituído os mandamentos de Deus, demonstrar-se-á sem valor naquele dia em que “Deus há de trazer a juízo toda obra, e até tudo o que está
    encoberto, quer seja bom quer seja mau”. Eclesiastes 12:14.
    Não cessou ainda a substituição dos preceitos de Deus pelos dos homens. Mesmo entre os crentes acham-se instituições e costumes que não têm melhor fundamento que as tradições dos Pais.
    Essas instituições, baseadas em autoridade meramente humana, têm suplantado as de indicação divina. Os homens se apegam a suas tradições, e reverenciam seus costumes, nutrindo ódio contra os que lhes procuram mostrar que estão em erro. Nesta época, quando somos mandados chamar a atenção para os mandamentos de Deus e a fé de Jesus, vemos a mesma inimizade que se manifestava nos dias de Cristo. Acerca do povo remanescente de Deus, está escrito:
    “E o dragão irou-se contra a mulher, e foi fazer guerra ao resto de sua semente, os que guardam os mandamentos de Deus, e têm o testemunho de Jesus Cristo”. Apocalipse 12:17.
    Mas “toda a planta, que Meu Pai celestial não plantou, será arrancada”. Mateus 15:13. Em lugar da autoridade dos chamados Pais da Igreja, Deus nos pede aceitar a palavra do Pai eterno, o Senhor do Céu e da Terra. Aí somente se encontra a verdade sem mistura de erro. Davi disse: “Tenho mais entendimento do que todos os meus mestres, porque medito nos Teus testemunhos. Sou mais prudente do que
    os velhos; porque guardo os Teus preceitos”. Salmos 119:99, 100.
    Que todos os que aceitam a autoridade humana, os costumes daigreja ou as tradições dos Pais, atendam à advertência envolvida nas palavras de Cristo: “Em vão Me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos dos homens.” Mateus 15:9

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui