A história de Cassie Bernall: ela preferiu morrer para viver

13
1862
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Antognoni Misael

Há alguns anos já tinha ouvido esta canção. Achei bela e por se tratar de vida, renúncia e morte fiquei comovido, mas não tinha ciência dos detalhes. Ao pesquisar, vi que tratava-se de uma menção a Cassie Bernall, morta num atentado nos Estados Unidos em 1999. Cassie foi um exemplo de fé, perseverança e amor a Deus. Leia a matéria que pesquisei abaixo e reflita:
***
Por 
Colorado (EUA) Columbine High School, 20 de abril de 1999. Treze pessoas (12 alunos e um professor) foram mortas por dois estudantes, do mesmo colégio, que entraram atirando sem algum motivo aparente, depois das execuções os 2 alunos de 17 anos cada se suicidaram, entre os adolescentes mortos estava Cassie Bernall, ela havia resolvido se crucificar naquele dia que até então seria somente mais um dia aparentemente normal. Na invasão repentina um dos atiradores com a arma apontada para os alunos perguntou: “Os que crêem em Deus fiquem em Pé”, Cassie se levantou(ela sabia o que a esperava) e foi indagada “Você crê em Jesus?”, com os olhos fitos e após um silêncio momentaneo ela respondeu: “Yes, I Believe” (Sim, eu creio). O atirador perguntou: “Porquê?” e antes que Cassie respondesse ele disparou a arma. Cassie Bernall tinha apenas 17 anos, e dois dias antes tinha gravado um vídeo com seus colegas da igreja onde fez a seguinte afirmação:
“Acho que a maneira que vou chegar no Reino é, sendo uma amiga leal, um bom exemplo para os não cristãos, e para os cristãos também. Tentando não me contradizer, me livrando de toda hipocrisia, e viver por CRISTO!“
Alguns dias após sua morte, a família de Cassie achou um bilhete sem data no qual ela, que havia se desviado anos antes de sua morte, escreveu ao se decidir de vez por Jesus: “Desisti de tudo o mais – descobri ser esta a única forma de conhecer realmente Cristo e de experimentar o imenso poder que O trouxe de volta à vida, e entender o que significa sofrer e estar com Ele. Portanto, seja qual for o custo, serei alguém que vive na alegre certeza de uma vida como a daqueles que ressuscitaram de entre os mortos.”
Assim foi a vida de uma adolescente que decidiu se crucificar para o mundo, uma adolescente que se preocupou em apenas agradar o coração de Deus, que pedia para ser usada, que tinha a presença Dele como mantimento e assim aconteceu. O testemunho de vida de Cassie Bernall impactou milhares de vidas em todo o mundo, várias pessoas aceitaram Jesus e milhões de outras se reaproximaram do evangelho, sua vida inspirou e inspira até hoje a fé das pessoas, na escola em que Cassie estudava vários Jovens começaram a buscar a Deus por causa de seu exemplo de vida. Ela resolveu subir a Cruz, “era a hora, era o momento, era a dança dela”. Foi curto, mas foi o tempo certo para ela mostrar a intensidade de Deus na sua vida com aquela atitude e uma simples frase: “Sim, eu creio”. Cassie Bernall foi homenageada pelo mundo afora e recebeu uma música em memória do seu ato escrita pelo cantor: “Michael W. Smith”, na música: “This your time” Cassie aparece no vídeo que tinha gravado com seus colegas da Igreja, dois dias antes do acontecido.
Se os antigos mártires da história cristã são um exemplo antigo pra você, acredito que Cassie seja então um mais próximo e ainda haverá mais exemplos como o dela no futuro, porque todos estes que entenderam a mensagem da cruz, morreram por algo eterno, Jesus vive!. “Céus e terra passarão mas a minha palavra não passará.”. Cassie Bernall desejou encontrar o noivo e foi atendida.
Obrigado Jesus.

(Fonte: Geração que vive)

Assine o Blesss

***

E eu? E você? Faria o mesmo? Que Deus derrame sua graça e misericórdia em nós.

***

Texto compartilhado do blog parceiro, Arte de Chocar.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

13 COMENTÁRIOS

  1. A canção é linda e a história que a inspirou é um exemplo de fé genuína. Ser servo de Deus não se trata de ser um supercrente, ser perfeito. Ser servo é viver da graça para a qual Jesus nos chamou, é reconhecer que somos falhos, é arrepender quando erramos, é retornar para o Caminho enquanto ainda há tempo, mesmo que tenhamos que fazer esse caminho de volta quantas vezes necessário for, para que quando chegar a hora, estejamos preparados para dizer: "sim, eu creio em Jesus!" – porque não sabemos nem o dia e nem a hora em que virá o filho do Homem.

    Para Cassie, Jesus veio naquela hora e ela estava preparada. Que Deus nos conceda também desta abundante graça!

  2. Só tenho duas coisas a declarar:
    Não tenho palavras para descrever tal moça.Sem dúvidas, uma moça maravilhosa.(para a moça, que merece)

    a Outra para a maioria dos cristão:
    Sei que não é esse o asusnto em pauta, mas pedirei por gentileza para os que vee^m este blog, que por favor parem de falar mal do sexo, como se ele fosse algo ruim, toda vez que algo sobre isso aparecer.Já nã aguento mais isso…

  3. Post realmente emocionante.

    No entanto, após uma breve leitura na Internet, podemos ver que não se sabe ao certo se essa situação realmente ocorreu. A investigação diz que Cassie foi assassinada à sangue frio enquanto orava silenciosamente. Seja por causa da discrepância de depoimentos ou da falta de evidências, havendo até mesmo a versão de que outras pessoas é que teriam passado por isso, a versão oficial dos fatos é a de que essa situação não ocorreu.

    De qualquer modo, o poder evangelístico da história é inegável. Emocionei-me logo à primeira leitura. Quem teria essa coragem? Essa fé? Tendo acontecido ou não, o que importa é que Cassie agora está ao lado do Rei. No fim das contas, é isso o que importa.

  4. Queria agradecer pela citação. Queria agradecer a Deus pela vida de Cassie, ela viveu e creu tao intensamente naquilo que a movia, que Cassie continua pregando e inspirando pessoas a fé. Ler novamente essa historia me incentiva a retirar as teias e poeiras que se depositaram com passar do tempo na força para lidar com o cotidiano eclesiastico,e mais, me incentiva a recomeçar.Cassie se dedicou a algo vivo e atemporal, por isso o que ela fez transcedeu a si mesma. Amém.

  5. Não conhecia,não costumo ouvir música evangélica em outra língua.Lindo o compromisso dela depois de provar a ausência de comunhão com Deus.V~e se consegue achar uma assim no Brasil.

  6. "Assim foi a vida de uma adolescente que decidiu se crucificar para o mundo, uma adolescente que se preocupou em apenas agradar o coração de Deus"
    Se for pra agradar a Deus dessa Forma eu prefiro o ditador Hitler ele era menos hipócrita do que esse teu deus psicopata pois Hitler não falava que os amava para depois matar-los atiro

  7. O meu comentário ainda aguarda moderação pq tanto tempo pra aprovar eu não ofendi apenas coloquei minha opinião ou será q esse blog não aceita opinião contraria? ou só oq lhe agrada

  8. Ahistoria de cassie não é invão depois desse acontecimento ela pode realmente abriri os das pessoas
    muitas canções crista fala sobre o que cassie passo ali dentro
    ouvi essa música
    flyleaf-cassie

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui