Obtendo a vida do alto e não a mediocridade

19
389
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Jofre Garcia

Os cristãos, em tese, deveriam ser as pessoas com as mais altas aspirações enquanto nesta vida. Não falo de conquistas financeiras, mas de vida com qualidade superior apesar de circunstâncias adversas e desafios contrários que possam se apresentar em sua caminhada. A nossa percepção de realidade deve ser voltada para o alto. Nossa visão de existência deve ser de Reino de Deus. Nossa construção de vida deve ser na Rocha, em Cristo. A pauta cotidiana de nossas rotinas deve ser o Evangelho e sua Justiça. Quando é esta a atmosfera que nos envolve, quando é esta a perspectiva a nos conduzir obtemos o prumo de uma vida que provém do alto, em vez da mediocridade que exalamos quando verticalizamos nossas experiências.
Os não – cristãos há muito perceberam isto. A ciência aponta a superior qualidade de vida de quem exerce uma fé cristã autêntica. No entanto, aqueles que se apresentam como cristãos insistem em viver uma experiência medíocre de fé e esperança. Deus, através do profeta Isaias já advertia o seu povo quanto à insistência de não crer em sua constante ação abençoadora: “O boi conhece o seu possuidor, e o jumento, o dono de sua manjedoura; mas Israel não tem conhecimento, o meu povo não entende” (Isaias 1.3).
Insistimos mais em nossas divisões religiosas, políticas e ideológicas do que na unidade da fé em Cristo. Estamos apegados mais em nossa gana por sucesso e poder do que em buscar o Reino de Deus e a sua Justiça. Estamos cegos com nossas manias e fetiches prazerosos do que compreender o nosso corpo como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus – um culto racional, usando as palavras do apóstolo Paulo.
No entanto, nos identificamos como cristãos.
Não é triste?!?
Porém, nem tudo está perdido.
Podemos obter uma qualidade de vida condigna com a proposta vocativa do Evangelho: “Eu vim para que tenham vida e a tenham com abundância” (João 10.10b). Não existe lugar no cristianismo de Jesus Cristo para a curtição da tristeza comiserada, para a amargura radicalizada, para a falência espiritual comum e habitual em nossa geração. Há, todavia, um conserto, um caminho, uma disciplina a ser buscada.
Será para todos???
“Todos quanto o receberam deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, a saber os que crêem em seu Nome” (João 1.12).
“E acontecerá que todo aquele que invocar o Nome do Senhor será salvo” (Atos 2.21).
Mesmo que apenas uma parte dos que se digam cristão o seja de fato, toda a sociedade torna-se recebedora dos resultados de uma vida que busca as virtudes do alto.
Portanto, para obtermos o modus operandi de uma vida que fixa sua direção no Eterno, no alto, temos que nos dedicar a alguns exercícios:
– Realizar constantemente um auto-exame de suas ações e reações (Salmos 32.1-6; 1ª Coríntios 11.28);
– Não prender-se ao passado nem oprimir-se pelo futuro (Mateus 6.25-34; Filipenses 3.13,14);
– Crer em Deus através de Cristo Jesus (João 3.16; João 14.6);
– Manter a prática diária da leitura bíblica, pois te torna sábio pra a salvação (2ª Tm 3.14-17);
– Manter uma rotina constante de oração (Lucas 18.1; 1ª Tessalonicenses 5.17);
– Estar sensível a manifestação do Espírito Santo em seu espírito (Romanos 8.16);
– Não apenas viver em uma “igreja”, mas conviver na Igreja de Cristo (Atos 2.42-47);
– Planejar, organizar e racionalizar suas despesas. Faça orçamento familiar (Lucas 14.28-32);
– Não viva por vista, mas pela fé (Romanos 1.17; Hebreus 11.6);
– Não guarde rancor, mas perdoe sempre (Mateus 18.21,22; Efésios 4.26);
– Organize seu tempo (Eclesiastes 3.1-8):
– Cuide de você e da sua família (Efésio 5.22-6.1-4; 1ª Timóteo 4.16);
– Alimente a esperança no retorno do Rei (Mateus 24.31,31).
Além do rol descrito acima, possamos buscar as virtudes recomendadas pelo apóstolo Paulo (Colossenses 3.1-17), para que possamos ser curados das doenças que tornam a nossa vida medíocre, a saber: egoísmo, egocentrismo, ceticismo, partidarismo, insensibilidade, desânimo, etc.
Em Cristo, que nos conduz em triunfo.
***
Jofre Garcia é teólogo, radialista, edita o blog Auxílio do Alto e atualmente vem colaborando com o Púlpito Cristão.

Assine o Blesss
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

19 COMENTÁRIOS

  1. – Não apenas viver em uma “igreja”, mas conviver na Igreja de Cristo (Atos 2.42-47);

    QUAL É A IGREJA DE CRISTO??????????

    Nos versiculos citados de Atos 2.42-47, diz:
    – se dedicavam ao ensino dos apostolos… É ISTO QUE É FEITO NAS "IGREJAS" ?? SERÁ QUE OS APOSTOLOS ENSINAVAM A FAZER DANCINHAS? MUSICAS EMOCIANANTES? PSICOLOGIAS? PROMOVIAM CURAS E PROSPERIDADES?
    – vendiam suas propriedades e bens e distribuiam a cada um conforme sua necessidades… É ALGO PARECIDO COM ISTO QUE É FEITO HOJE?? OU É CONFORME A NECESSIDADE DOS "PASTORES" E OS IRMÃOS QUE SE LASQUEM?
    – Todos os dias continuavam se reunir no PATIO do Templo… TEMPLO QUE FOI DESTRUIDO E QUE ATÉ HOJE NÃO FOI RECONSTRUIDO E QUE NUNCA FOI PEDIDO PARA RECONSTRUIR OUTRO.
    – Partiam o pão em suas casas e juntos participavam das refeiçoes… ISTO É COMUNHÃO VERDADEIRA, É ISTO QUE SUA "IGREJA" FAZ?

    O que é descrito por este teólogo é o manual de como ser um RELIGIOSO FRIO E CALCULISTA.

    QUER HERDAR A VIDA ETERNA?? PARA ISSO NÃO PRECISA DE UM MANUAL DO QUE VC TEM QUE FAZER. FAÇA ISSO:

    AME A DEUS COM TODAS AS SUAS FORÇAS E COM TODO O SEU ENTENDIMENTO E AO PRÓXIMO COMO A SI MESMO E VIVERAS!!

  2. Irmão Adilson, a graça é a paz!
    Compreendo sua ira santa, partilho dela, acesse meu blog, ou encontre o áudio de nosso programa que você verá o quanto partilho dessa indignação.
    No entanto, mano, leia o post e nos textos indicados exercite sua mente nos significados. Antes de tecer comentários, que mesmo contrário, são bem vindos, considere
    1. leia e releia o post
    2. procure conhecer um pouco mais sobre o site ou quem escreve antes de exercer juízo de valor
    3. caso não tenha entendido, suas posições no início de seu comentário é exatamente aquilo o que o post exprime, não percebeu?
    4. saiba que o Novo Testamento e a doutrina cristã não é feito de sofismas; pois foi nisso que muitos fizeram com a interpretação de amar a Deus com todas as forças, (não dizendo isso de você, pois seu fervor e zelo demonstra alguém que busca viver o Evangelho)
    5. coloque em prática o que esta exposto e você verá a diferença entre vida prática de fé e calculismo religioso.
    6. examine bem o texto de atos, de acordo com sua exposição final eles se enquadram em religiosos calculistas, não é mesmo.
    7. para herdar a vida eterna precisamos do manual do fabricante, a Bíblia.

    Perdoe-me ser prolixo, é que vejo que você não percebeu o teor do que foi escrito. Porém, agradeço seu comentário de saber que mais irmãos pensam igual na defesa do Evangelho puro e simples.

    Deus te abençoe!

    Jofre Garcia

  3. Amados irmãos, a paz do Senhor!
    Há muito tempo eu venho me preocupando com o rumo que as igrejas vem tomando com inovações e modismos antibíblicos. Sou pentecostal tradicional e bíblico e me alegro muito em saber que tem muitas pessoas com as mesmas preocupações em conservar a verdadeira fé bíblica. Isto me faz lembrar o profeta Elias quando disse a Deus que só ele permanecia fiel e o Senhor lhe respondeu que 7000 em Israel não haviam dobrado seus joelhos diante de baal. Quero me juntar àqueles que compartilham do mesmo pensamento, independente em que igreja local se congregam, pois o mais importante é fazer parte da Igreja Invisível que está aguardando a volta do Noivo. É bom não nos conformamarmos com as injustiças dentro de nossas igrejas, sem, contudo nos afastarmos da nossa congregação "como é costume de alguns", porque se não há igreja local perfeita, nós também somos imperfeitos, mas somos aperfeiçoados em Cristo. Gostei da posição do irmão Jofre e respeito a revolta do irmão Adilson, porém é preciso que, com nossas atitudes façamos a diferença mesmo com defeitos em nossa igreja. Jesus veio buscar e salvar o que se havia perdido. Ele fez a diferença e devemos fazer também. Não devemos ser somente cristãos, mas ser discípulos de Cristo. Que Deus abençoe a todos.

  4. Sr. Jofre, teólogo religioso.

    Desculpe se o ofendi, mas vejo que não compreende a simplicidade do Senhor Jesus e dos apóstolos.

    Seu texto é sim um manual religioso pois o sr. mesmo o chama de "modus operandi".
    Iguais ao seu texto existem mais de 1 bilhão por ai e eles são falados e repetidos dariamente; são bonitos e com palavras bem elaboradas; mas, seus frutos são as "Igrejas" de pedras, cheias de zumbis sem entendimento real do amor de Deus e pessoas mais longe de Deus.
    Sem perceber o que você diz é que: "amar a Deus com todas as suas forças e todo o seu entendimento e ao próximo como a si mesmo", não é suficiente.
    Sei que diz isso pois ainda não compreende a profundidade destas simples palavras.
    Amar a Deus com todas as suas forças não é apenas ler as escrituras um capitulo aqui e outro lá, é come-la e vive-la!
    Se não fizer isso você se assemelha aos fariseus hipócritas que conheciam muito bem a lei mas estavam bem longe de Deus.
    Você respondeu meu comentário se defendendo e defendendo seu texto, mais fugiu das minhas perguntas.
    Se você não vive o que diz pq fala?

  5. Olá Ricardo!

    Obrigado por mencionar meu comentário. Digo a você que não estou revoltado, apenas estou engajado numa luta que busca mostrar a simplicidade de evangelho de Jesus e vejo que você também já esta se alistando nesta luta. Não faço parte de nenhuma denominação religiosa, mas sou e faço parte da igreja de Jesus.
    Este texto que vc diz: "afastarmos da nossa congregação como é costume de alguns” esta na carta aos Hebreus. Ora é uma carta porque le-la em pedacinhos? Leia a carta inteira sem interrupção e vc vai ver que o assunto nesta parte é lei e graça, e que quando se diz: não deixemos… é não voltemos para a lei. Deixo pra vc um site que é muito bom.
    http://www.blues.lord.nom.br
    Que a paz do nosso Senhor Jesus esteja com vc.

  6. A graça e a paz, irmão Adilson;

    Deixe-me esclarecer uma coisa, você não me ofendeu (apesar ter feito juízo de valor sem nem ao menos me conhecer), nem estou defendendo o post, pois o que está escrito, escrito está; até porque seria incoerência amar ao próximo como a si mesmo e fazer ofensas gratuítas a pessoas e não as ideias.
    Lhe respondi por entender que não faz parte da boa educação deixar alguém falando sozinho e porque é um direito que me é assegurado.
    Ah! Perdoa-me, havia uma pergunta em seu comentário; ou algumas, porém, vou considerar apenas a que se trata de uma parte de meu post, pois as outras mano, são arroubos compreensíveis de quem zela pela Igreja, embora cometendo excessos.
    No texto, perceba, há a citação de "igreja" em minúsculo e entre aspas, pois é o entendimento vertical e medíocre sobre ela – é uma crítica ao sistema. Depois cito Igreja com "I" maiúsculo em referência a Igreja de Jesus, universal, sem nome, sem placa, mas cabe em todo quebrantado de coração.
    Você, mais uma vez faz julgamentos precipitados, gostaria que considerasse o seguinte:
    1. Leia o texto, por favor, sem os ósculos da ira (mesmo sendo santa), pois em nosso excesso de zelo podemos cometer equívocos condenáveis pela própria Palavra.
    2. Modus Operandi é uma citação de origem latina para dar uma erudição ao texto; significa modo de operar ou modo de agir, ou ainda, no contexto do texto como fazer, para demonstrar ao leitor que as propostas cristãs não são um discurso vazio, nem um sofisma, nem uma utopia filosófica cristã, mas que é prático e acessível a todos que buscar viver a Boa Nova. Tem que haver prática, a vida e a doutrina de Cristo não é subjetiva.
    Existem várias passagens bíblicas que demonstram um modus operandi, ou o como fazer a teoria virara prática, veja alguns:
    a) Mt 5-7; Mt 10.1-42; Lc 10.1-6; Jo 15-16
    b) Rm 12-14; Ef 4.22-6.18; Cl 3.1-25; 2ª Ts 5.8-27; Tt 2.1-3.2
    c)1ª Pe 2.11-18;
    d)1ª Jo 1.6-10; 4.1-21
    examine-as e veja se seus autores eram calculistas ou religiosos.

    3.O post não regra de fé e prática, somente a Bíblia o é, ele é um rol de sugestões de disciplinas para viver com qualidade de vida baseado na Palavra. Caso encontre nele algo de incoerente, inconsistente ou anti-bíblico, você estará me ajudando a corrigir, e será retificado imediatamente, senão, reflita mano.
    4.Não sejamos subjetivos quanto ao ensino da Palavra, esse é um dos aspectos do pós-modernismo (não estou afirmando que você o seja, mas abrangendo minha fala ao evangelicalismo brasileiro); quando a Bília afirma "amar a Deus e ao próximo", implica numa série de fatores e ações que nos leva a uma constante disciplina cristã. Senão fica muito conjectural, além de um discurso vazio. Como é amar a Deus e ao próximo na prática?
    5. Irmão, na boa, fica difícil amar a Deus e ao próximo sem participar nem sequer de uma simples comunidade, que habitualmente chamamos igreja. Se eu não consigo amar os que estão perto, com seus erros e acertos, como vou amar a o próximo? A Bíblia conta a história de comunidades, até mesmo a carta aos Hebreus, não é a história do "eu" sozinho não.
    Agora, se você leu até é sinal que queremos nos entender. Examinei cuidadosamente o que você comentou, excluindo alguns excessos, percebo que falamos a mesma língua mas os idiomas estão diferentes. Unamos nossa voz contra as heresias, os modismos e o paganismo que adentrou na Igreja Evangélica.
    No blog auxilio-doalto.blogspot.com tem outros textos sobre o assunto, peço que leia:

    Vergonha e Desabafo

    Consolo para as almas cansadas

    No mais, fica na paz, e que Deus te abençoe.

    Jofre Garcia

  7. A paz do Senhor, Erick;

    Obrigado pelo comentário. Visitei o teu blog, achei com um belo visual e uma proposta interessante. Continue a editá-lo, pois te ajudará no teu crescimento e caminhada.

    Deus te abençoe!

    Jofre Garcia

  8. Paz e graça, mano Ricardo;

    Obrigado pelo comentário. Sobre o que você fala em ser discípulo é verdade, não pode haver discípulo sem atitudes que dignificam o Evangelho e devemos começar bem pertinho, com aquelas pessoas e irmãos que o Senhor colocou na vida da gente.

    Que Deus derrame bençãos sobre tua vida, mano, fica na paz.

    Jofre Garcia

  9. Olá Jofre,

    que texto enriquecedor, como é bom saber que ainda há tantos que buscam o evangelho verdadeiro. Gostei muito do seu site irmão, vou acessar com frequencia. Que Deus continue abençoando.

    Tiago luz

  10. Como é bom abrir uma postagem e ver pessoas realmente mostrando como é o carater cristão! como seria bom se todos fossem assim, falo do irmão: JOFRE, ADILSON, ERICK,e RICARDO, eu até me envergonho de ver o que isto aqui virou, ninguem + preucupado em edificar o outro, somente se alfinetando, e mostrando a realidade da igreja dos tempos de hoje, como seria bom, se envez de postagens criticando igrejas, bispos, pastores, fossem dada ajuda, orientação, e opções de mudança sem afligir a tradição da igreja, e aos seus lideres, isso já conçou, como é ruin saber de como era a igreja primitiva e como esta hoje, esta vergonha que estão fazendo com o nome do senhor Jesus, se todos estevessem unidos em um só propósito que é salvar as almas que estão sofrendo, a igreja de Jesus já teria salvado o mundo todo só com o nosso testemunho, chega a vir lágrimas nos olhos, de pensar em tantas almas que poderiam ser salvas, mas se perderam pelo mal testemunho de muitos que se " dizem " cristãos, e hoje estas que se perderam estão no inferno sem salvação, por causa do joio que se instalou no nosso meio, deixem cada igreja fazer o seu trabalho, iurd, mundial, petencostal, assembléia, etc. A que for do diabo vai sucumbir, e dára explicações para Deus. Senhor tenha mísericórdia da minha alma, por que eu tambem faço parte desta geração. volta logo pois este mundo já apodreceu. Bruno, obreiro da iurd.

  11. Sr. Jofre,

    mais uma vez peço desculpas se o ofendi quanto ao meu comentário.
    Eu apenas o disse baseado no que você escreveu; por exemplo na parte do texto em que diz: "Insistimos mais em nossas divisões religiosas, políticas e ideológicas do que na unidade da fé em Cristo. Estamos apegados mais em nossa gana por sucesso e poder do que em buscar o Reino de Deus e a sua Justiça. Estamos cegos com nossas manias e fetiches prazerosos do que compreender o nosso corpo como sacrifício vivo, santo e agradável a Deus – um culto racional, usando as palavras do apóstolo Paulo."
    Compreende que quem diz: insistimos…, estamos apegados…, estamos cegos… você está se incluindo nestes. E se está se incluindo nestes meu comentário é válido.
    Quanto a carta aos Hebreus que eu disse em outro comentário (não dirigido a você) eu não disse que: não é a história do “eu” sozinho. Nem sei de onde você tirou isto. Porque você não comenta sobre a carta estar dizendo sobre a lei e a graça e não em "não deixemos nossa congregação" insunuando que era uma "igreja".

    Agora vou dizer o que vejo, por favor não se ofenda, mas é o que vejo baseado em suas próprias palavras.
    – Vejo que você é um homem temente a Deus mas que está em cima do muro; como muitos. Sua posição somente contribui para que este sistema religioso,corrupto e promiscuo, permaneça.

    No livro de João 5, 41 Jesus diz: EU NÃO ACEITO GLÓRIA DE HOMENS,

  12. A paz do Senhor, mano Bruno;

    Concordo contigo quando falas que já não há uma preocupação em edificar o outro; é preciso termos discernimento para que nossa apologética se transforme em mecanismo frio para mostrar erros praticados; dessa forma virou apenas denuncismo.

    Todavia, não nos esquecemos que a voz profética deve desmascarar tudo o que não se adeque ao Evangelho de Cristo Jesus, porque, senão, prestaremos conta a Deus de nossa inércia.

    É por isso que somos chamados protestantes. Agora, tudo quem que ser por amos a Deus, ao próximo, com sabedoria e educação.

    Mano, segue na paz, que o Espírito Santo te encha de força e capacitação para a proclamação do Evangelho.

    Deus te abençoe!

    Jofre Garcia

  13. A graça e a paz, irmão, Adilson;

    Caso tenha tido oportunidade de ler outros textos que refletem meu posicionamento nesses quase 30 anos de fé no Evangelho do Senhor Jesus, e mais de 10 anos como radialista profissional onde combato todo tipo de heresia e não pouco nenhum caso de hipocrisia cometido pela igreja Evangélica, até mesmo a denominação em que congrego. Caso não tenha lido, seu julgamento é presunçoso e equivocado no mínimo.

    Se houvesse posições dúbia e dobre em minha trajetória: sermões, aulas, palestras em colégios, cultos de rua, textos e vida em minha comunidade e na cidade onde resido, não teria textos indicados para este blog, que por sinal é deveras apologético.

    O opúsculo de meu texto que você agora comenta pra em cima dele traçar uma linha de raciocínio definitivo e sentencial sobre mim, é uma duríssima crítica ao sistema corrupto e podre do cristianismo; o udo dos verbos fazendo inclusão de minha pessoa é um recurso textual e literário pra dar força ao argumento crítico. Por exemplo, ao citarmos (eu e você dizemos isto) que o sistema é podre não estamos dizendo que todos os evangélicos o são. Somente Deus tem essa prerrogativa. Quem escreve usa este recurso para autenticar a crítica, pois, se eu me excluir estarei dando-me a chancelaria de perfeito. Apesar de conspirar contra, criticar, dedicar parte de meu ministério a delação dos vendilhões e da podridão, faço parte da Igreja Evangélica Brasileira. Amo todas as denominações e sonho vê-las unidas em um só propósito: viver o Cristo dia a dia. Isto não me torna um covarde (em cima do muro).

    Outrossim, a Carta aos Hebreus tem por tema central a supremacia de Cristo, no parágrafo que se insere o cap. 10.25 o subtema é a comunidade dos cristão, que por conta das muitas perseguições alguns desanimavam da vida em comum na fé. O texto sendo examinado em todo o contexto e usando a saudável hermenêutica gramático-histórico de interpretação bíblica. Essa porção bíblica em meu post não foi usado para prender alguém a alguma "igreja", mas lembrá-ló da Igreja, Corpo de Cristo, sem nome, universal e gloriosa.

    Mano, a citação de João 5.41 se você a cita em relação os pregadores televisivos ou todo aqueles que se poem em lugar de Deus, buscando glórias para si, você acertou em cheio, estou firme contigo nesse princípio bíblico.

    Deixa eu te propor uma coisa, para não acontecer que esse nosso debate possa ser mal entendido; estarei a sua disposição pelo blog, email, para que possamos nos conhecer melhor e corrigir qualquer aresta, em vez de ficarmos nos examinamos em preciosismos textuais e filigramas doutrinárias.

    Que as coisas que une sejam infinitamente maiores que as que nos separa.

    Deus derrame suas bençãos em você e rodos os seus.

    Fica na Paz!

    Jofre Garcia

  14. Apenas para edificação dos irmãos: Se observarmosw as sete cartas enviadas às sete igrejas da ásia (não são modelos de igrejas para toda a era cristã?), verificamos que em todas termina assim: "ao vencedor". Significa que em todas haverá vencedores. Eu, particularmente, quero estar entre os vencedores e desejo que todos os que estão participando deste debate também sejam, pois vejo que todos estão interessados na verdadeira prosperidade da Igreja de Cristo. Apesar das aberrações que temos visto nas chamadas igrejas evangélicas, conheço muitas pessoas dentro delas que estão fazendo a diferença, levando a Palavra de Deus aos presídios, hospitais, bocas de fumo e prostituição e vidas sendo transformadas. O que o Governo não consegue fazer para mudar a vida de pessoas marginalizadas, muitas igrejas estão conseguindo. Tenho amigos em minha congregação, hoje homens de Deus que já foram marginais perigosos. Então, de alguma forma a Igreja de Cristo (sentido amplo) está cumprindo o ide de Jesus: "Curai os enfermos, limpai os leprosos, ressuscitai os mortos. De graça recebestes, de graça dai." A interpretação não é somnte no sentido material, mas principalmente espiritual. O meu interesse neste e em outros blogs é que faço parte da área de ensino em minha congregação e tenho sido edificado com excelentes artigos, pois pretendo, com ajuda do Espírito Santo, contribuir para a mudança de visão de muitos que está distorcida. Muito obrigado e a paz de Cristo a todos.

  15. Amigos amados, quero deixar aqui um relato de Pedro.

    – No passado surgiram falsos profetas no meio do povo, como também surgirão entre vocês falsos mestres. Estes introduzirão SECRETAMENTE heresias destruidoras, chegando a negar o Soberano que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição. 2 Pedro 2, 1.

    Quero enfatizar que Pedro disse, SECRETAMENTE e não escancaradamente como vemos nestes posts aqui expostos.
    Não falo de uma determinada denominação ou outra, digo de todo um sistema que SECRETAMENTE tem feito muitas heresias, levando as pessoas a acreditarem que seguem o caminho correto.
    Vou dar alguns exemplos:

    – Fizeram as divisões das Escrituras em capitulos e versiculos que aparentemente é uma boa coisa; só que SECRETAMENTE divide os assuntos e fazem com que muitos deixem de ler o livro ou a carta como um todo e com isso não entendem o que o autor escreveu.

    – Colocaram titulos nos capitulos das escrituras que aparentemente também é uma coisa boa; só que SECRETAMENTE em muitos destes titulos levam o leitor a acreditar que é aquele assunto do titulo que o autor esta dizendo e não o assunto que o autor realmente quer dizer ou seja tira a compreensão do texto.

    – Deixaram muitas palavras quase que na escrita original em grego ou latim que parece também ser uma coisa boa, mas SECRETAMENTE foi de propósito para que as pessoas mais simples e humildes não consigam entender e tenham que recorrer aos doutores que gostam de falar dificil pois aparentemente eles sabem tudo.
    Exemplos: diacono = ajudante; presbitero = ansião ou mais velhos; Igreja = chamados para fora e ou agrupamento dos salvos; heresias= divisões; evangelho = boas noticias…

    Estes são apenas alguns exemplos.

    Na mesma carta de 2 Pedro 2, 17-21 (leiam depois a carta inteira sem interrupção) ele diz ainda falando dos falsos mestres:
    Esses homens são fontes sem água… pois eles, com palavras de vaidosa arrogancia… seduzem os que estão quase conseguindo fugir daqueles que vivem no erro. Promentende-lhes liberdade, eles mesmos são escravos da corrupção, pois o homem é escravo daquilo que o domina.
    Se, tendo escapado das contaminações do mundo por meio do conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo, encontram-se novamente nelas enredados e por elas dominados, estão em pior estado do que no princípio. Teria sido melhor que não tivessem conhecido o caminho da justiça, do que, depois de terem conhecido voltarem as costas para o santo mandamento que lhes foi transmetido.

    Amados irmãos, vejam e não se enganem com os homens, leiam e releiam as escrituras, coma-as dia e noite seja fiel a Deus em espirito e em verdade, fujam do ensino de homens.
    O Senhor Jesus pagou com sangue e sofrimento para você ser livre. Não se torne mais escravos de homens.

    Que a paz do Senhor e Salvador que excede todo o entendimento seja com todos vocês. Amém = eu acredito

  16. Erick!!!
    Visitei o seu blog, e gostei D+, eu vi o do Jofre tambem, parabens a vcs, vou virar adepto!!! o quanto + Deus poder usar vcs, ele vai usar, que Deus abençoe a todos vcs meus amigos de fé!!!! Vamos pra cima do inferno!!!!

  17. Simples, correto e sábio.
    Com toda certeza, foi o Espírito Santo quem usou o amado irmão em nos advertir a cerce dstas palavras.
    Jeus mesmo disse que; vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho dito.
    Louvemos ao Rei da gória…

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui