A religião do capeta

13
739
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Tim Carriker
Então o Diabo lhe disse: — Se você é o Filho de Deus, mande que esta pedra vire pão. Jesus respondeu: — As Escrituras Sagradas afirmam que o ser humano não vive só de pão. Aí o Diabo levou Jesus para o alto, mostrou-lhe num instante todos os reinos do mundo e disse: — Eu lhe darei todo este poder e toda esta riqueza, pois tudo isto me foi dado, e posso dar a quem eu quiser. Isto tudo será seu se você se ajoelhar diante de mim e me adorar. Jesus respondeu: — As Escrituras Sagradas afirmam: “Adore o Senhor, seu Deus, e sirva somente a ele.” Depois o Diabo o levou a Jerusalém e o colocou na parte mais alta do Templo e disse: — Se você é o Filho de Deus, jogue-se daqui, pois as Escrituras Sagradas afirmam: “Deus mandará que os seus anjos cuidem de você. Eles vão segurá-lo com as suas mãos, para que nem mesmo os seus pés sejam feridos nas pedras.” Então Jesus respondeu: — As Escrituras Sagradas afirmam: “Não ponha à prova o Senhor, seu Deus.” Lc 4.3-12 (NTLH)
Quem procura expôr as Escrituras geralmente faz um esforço danado para identificar e enfatizar o cerne do evangelho de Deus. E assim, aprendemos muita coisa boa, sem dúvida.
Mas pouco se repara o “outro lado da moeda”, o evangelho do diabo. Sim, o capeta também tem os seus valores e procura promover sua própria versão de religiosidade. Vale a pena reparar bem a sua base e o seu conteúdo. Ambos podem ser discernidos da passagem acima onde o diabo “tenta” Jesus. Posso falar muito mais, mas quero focar somente as três frases que sublinhei na passagem. A primeira e a última revela a base ou o pressuposto do evangelho do diabo e a segunda, o seu conteúdo.
A frase, “se você é o Filho de Deus, mande” ou “…jogue-se” revela o pressuposto do diabo que essencialmente é o seguinte: os filhos de Deus tem o direito, ou até mesmo o dever, de exigir. E a exigência é segura com base no parentesco divino de quem manda. Sim, para o diabo, os crentes tem direitos e devem exigi-los! Conhece ministérios que se baseam neste pressuposto? de exigir, “em nome de Jesus” que as coisas acontecem? por exemplo, uma cura, uma bênção, ou uma libertação? Já ouviu pregadores famosos falando deste jeito? Sabe de onde vem este evangelho? Do capeta!
E qual é o conteúdo deste “evangelho”? …segunda frase sublinhada: riqueza e poder, em sumo, o evangelho da prosperidade. O diabo promete prosperidade, em forma de riqueza e poder. Jesus, entretanto, avisa que seus seguidores não terão nem onde encostar as suas cabeças.
Qual é o evangelho que você prega e preza? O do diabo, sem dúvida, é muito mais atraente.
Então, do capeta ou de Deus?
Oração:
Pai, nos dá a clareza e a coragem de distinguir entre a tua voz e a do capeta. Em nome de Jesus. Amém.
***
Púlpito Cristão sempre na cola do Pseudo-Evangelho. Direto do blog Ministério de Beréia.

Assine o Blesss
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

13 COMENTÁRIOS

  1. Lendo essa publicação deveria ficar triste,frustado, chateado com o "rumo" que o evangelho esta tomando? – não! fico alegre porque já uma vez pelo Cristo nosso SENHOR foi dado o alerta e duas vezes pelo santo ESPIRÍTO atravez de Paulo que averia de se manifestar as falsas doutrinas e ensinos demoníacos.
    VIVA A VOLTA DO FILHO DO HOMEN QUE ESTA AS PORTAS

  2. Paz e graça a todos,tenho sempre em meu coração uma frase :ser cristão verdadeiro é simples porem não é facil.
    Em meio a toda essa crise ,denucias e ataques,de lideres eclesiasticos penso no futuro da igreja nesses dias que virão
    onde nossa obrigações como povo de DEUS tem ficado de lado,
    as almas es ai clamando por salvaçao e os lideres num verdadeiro M.M.A evangelico,é a cada dia mim convenço de que um dos motivos que o SENHOR não veio busca a sua igreja é por muitos crentes estão desviados dentro da casa
    de DEUS ,que possamos retornar ao verdadeiro evangelho da cruz.

  3. O Senhor Jesus disse que veio trazer vida e vida com abundancia?
    O que falar do patriarca Abraão,de Isaque que prosperou na terra dos filisteus,o que falar do Rei Davi,de Salomão?
    DEUS disse que é dono do ouro e da prata,e se ele é pai,então pra quem seria as riquezas dele?
    Pros filhos do diabo?
    A palavra diz,que o amor ao dinheiro é o principio de todos os males,não o dinheiro,mas o amor a ele.
    Como falar das Grandezas de DEUS e falar em miséria?
    Não combina,e o Reino de DEUS,como a Biblia nos apresenta?
    Procure ler mais a Biblia e pedir o Espirito Santo para abrir seus olhos,porque a letra mata.

  4. Sou totalmente avesso à teologia da prosperidade e prefiro o evangelho da cruz e Jesus é o tesouro escondido que encontrei pela sua infinita graça e estou no caminha para a Cidade Celestial, contudo, Jesus ordenou aos seus discíplos e á sua Igreja que em SEU NOME

  5. Sou avesso à teologia da prosperidade e a esse falso evangelho que andam pregando, mas não podemos negar que Jesus ordenou aos seus discípulos queem SEU NOME realizassem grandes coisas, mas também disse: "De graça recebestes, de grtaça dai" Não podemos exigir nada de Deus, mas podemos dar ordem ao capeta em nome de Jesus. Também não podemos nos gloriar pelas obras que fazemos em seu nome, antes devemos nosalegra pelo nosso nome estar escrito no céu. Maranata! Amém!

  6. Achei muito sensacionalista esse texto. De fato, desnecessário.

    Eu sou contra ao "evangelho" das bençãos, e não do evangelho prosperidade. Permita-me explicar uma pequena diferença entre os dois.

    Hoje o povo procura mais a benção e o poder de Deus do que o próprio Deus. Isso é errado. Ser próspero não é o mesmo que ser rico, ser próspero é não ter necessidades. Se você não concorda comigo, então venda seus bens, todos eles, dê aos pobres, e vá pregar o evangelho da Cruz bonitinho. Ahhh não consegue? Prefere ler esse texto num notebook de 3 mil reais e criticar quem passa fome!!! Então peça perdão pela sua hipocrisia, pois nossos bens e nossa prosperidade é o Senhor quem nos dá e nos sustenta. (Jeremias 29.11)

    Agora, concordo com todo mundo aqui que há um problema seríssimo nas igrejas de todo o mundo: o comércio de bençãos… o povo quer o poder de Deus, e não Deus… o povo quer a benção de Deus, e não Deus. Esse sim é um problema sério.

    E contra esse problema, o melhor é se calar, orar, chorar e buscar a face de Deus… só Ele tem o poder e a autoridade de reverter isso!

  7. A questão não é a prosperidade em sí, mas esses pregadores sensacionalistas, que usam o evangelho para enganar as pessoas. A questão é o foco estar nas bênçãos materiais. Isso é colaborar para que as pessoas edifiquem sua casa na areia. O Evangelho genuíno é realmente o evangelho da cruz, negar-se a si mesmo. Não sou contra que o crente em Jesus tenha riquezas. Mas se uma pessoa passa a fazer parte de uma igreja com interesses somente em bênçãos materias, quando vier a tribulação, com certeza deixará a Igreja. Digo igreja, por se uma pessoa passa aser evangèlica apenas pelas coisas deste mundo, realmente ainda não passou pelo novo nascimento. vIDA ABUNDANTE É TER CRISTO COMO SALVADOR, AMIGO, TER COMUNHÃO COM ELE E SABER QUE ELE SEMPRE ESTÁ CONOSCO NOS MOMENTOS BONS E NOS MOMENTOS RUINs. Saber que Ele virá buscar todos os seus amigos fiéis para estar com Ele onde Ele estiver. "O justo viverá pela fé" A questão não é ter muito ou pouco, mas saber usar e distribuir. Vender os bens e3 dar aos pobres não resolveria o problema dos pobres, pois logo teriam necessidades. A igreja é exatamente para mostrar o caminho para o céu, mas também orientar as pessoas a prosperarem sim e cuidar daqueles que não tem meios de sobrevivência, principalmente os domésticos da fé. Enfim, o foco da pregação deve ser a salvação, a justiça de Deus e todas as demais coisas serão acrescentadas. Deus é fiel e justo. A questão é não vivermos como os crentes de Laodicéia. A paz do Senhor a todos.

  8. João

    Nem Jesus nem seus apóstolos foram ricos. Pelo contrário, muitos dos cristãos primitivos não eram ricos, e muitos ficaram pobres por causa da perseguição. Quase todos os profetas não eram ricos. Então sugiro a você que leia a Bíblia e peça para o Espirito lhe ensinar essas coisas.

    Quanto aos filhos das trevas, há ricos entre eles, e basta abrir os olhos para ver. Leia a parábola do rico e de Lázaro.

    "Não ajunteis tesouros na terra". Essa frase tem de ter significado. Eu não prego a pobreza, mas reconheço que muitos dos melhores filhos de Deus, a começar pelos apóstolos e a maioria dos profetas, foram pobres. Leia a Bíblia e você verá que há alguns filhos de Deus muito ricos, mas eles foram a exceção, em meio a muitos pobres ou remediados. Não queira transforma a exceção em regra.

  9. Continuando

    Quanto a essa teologia que diz que o justo sempre fica rico e que os pobres e doentes são malditos, essa é a mesma teologia dos amigos de Jó. Tenhamos cuidado, porque Deus os repreendeu severamente, e se Jó não tivesse intercedido, o Altíssimo não os teria perdoado. Da mesma forma, os escribas e fariseus acreditavam assim, e por isso desprezavam o pobres e os doentes.

    Deus escolheu as coisas fracas e humildes para confundir as coisas fortes e soberbas. Parece loucura, mas não queiramos ser mais sábios que Deus. Se ele faz assim, embora pareça loucura, é sabedoria.

  10. Moçada,esse artigo aí,não é pão dormido não?Falar contra isso aí,é o mesmo que anunciar a invenção da roda!Esse cara está atrasado uns 20 anos!Só agora que ele viu isto?

  11. A pergunta a se fazer é uma só: Voce conhece o sacrifico de Cristo?Saiba que não se ofereceu pra morrer porque era bonzinho,mas sim pra que tivessemos o direito de se relacionar com o PAI novamente.Então venha conhecer o valor deste sacrificio, recebendo o seu amor, que não consiste em conquistas materiais e sim ter a certeza da vida eterna.
    Graça e paz Marilia Ferreira

  12. Porque será que Geazi deixou um legado tão gigantesco e Mamom é o pai na fé de muitos cães famigerados que adoram fama, sucesso, poder, ameaçam as pessoas sejam servos de Deus ou não? Porque o evangelho tomou um rumo tão depravado em se tratando de coronéis que por ganância desenfreada os leva a crer que Deus está dormindo? Até quando seremos ameaçados? Seremos dizimados com nossas famílias por usarmos a internet que tem se tornado um instrumento que nos dá liberdade para nos expressarmos como filhos de Deus? Seremos arrastados aos tribunais como a palavra de Deus afirma pelos ricos, não os do mundo, mas os profetas milionários, ungidos ricaços, e donos do monopólio do evangelho de Cristo? Jesus tem nojo de pobre? Deus tem vergonha de seus filhos por serem pobres? Só entrarão na glória os milionários? Devemos desviar nossos caminhos porque não somos ricos? Seremos lançados no inferno por não beijarmos os sapatos dos apóstolos de hoje, ou dos ungidos que descidrão diante de Deus quem entrará ou não na glória do Senhor? Qualquer dia, boca de fumo terá CNPJ e os demônios só poderão se manifestar se portarem título de eleitor.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui