Rob Bell Universalista

25
321
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Leonardo Gonçalves

Assine o Blesss

[Leia também: O que é Universalismo? Por Russel Shedd]

Rob Bell, pastor da mega igreja Mars Hill Bible Church em Michigan (não confundir com a Mars Hill de Seatle, liderada por Mark Driscoll), um dos nomes mais importantes dentro do movimento de igrejas emergentes, teria escrito um livro no qual faz-se apologia ao universalismo, doutrina herética que afirma que todos os homens serão salvos, independente da sua relação com Cristo. Segundo essa concepção, o inferno simplesmente não tem sentido: Todos viverão para sempre com o Senhor Jesus no céu.

O livro que gerou toda essa polemica ainda não foi lançado no mercado. Por causa disso, muitos dos seus seguidores estão indignados com a postura “inquisidora” da liderança norteamericana, a qual tem batido forte nele este fim de semana. Embora nenhum dos algozes tenha lido o livro, todos tiveram acesso a uma propaganda promovida pela editora do Bell, que diz o seguinte:

“Agora, em “Love Wins: Céu, inferno e o destino de cada pessoa que já viveu”, Bell aborda um dos temas mais controversos da fé, e argumenta que um Deus amoroso nunca entregará as almas dos homens ao sofrimento eterno. Com uma visão apaixonante, Bell coloca o inferno á prova, e sua mensagem é verdadeiramente otimista: A vida eterna não começa quando morremos, mas agora, e em última instancia, o amor vencerá”

Instantes após a propaganda surgir no twitter no dia 26 de fevereiro, vários representantes da teologia crista norteamericana se mostraram indignados e demonstraram seu repúdio a estranha doutrina através do Twitter, levando o pastor a aparecer nas TTs durante várias horas.

Veja a seguir alguns dos comentários:

“Adeus Rob Bell http://dsr.gd/fZqmd8” John Piper
(O link é de um artigo do Justin Taylor que questiona o universalismo do ícone emergente)

“O inferno não é mal. Enviar um homem inocente para morrer na cruz quando sequer existe um inferno, isso sim seria mal. Separada do inferno, a cruz não tem nenhum sentido” Matt Carter

“Não há amor em pregar um evangelho falso. Isso parte o meu coração. #orando por Rob Bell” Joshua Harris

“Voce merece o inferno. Tudo além disso é um presente” Mark Driscoll

Em seu artigo intitulado “Rob Bell, Universalist?”, Justin Taylor começa com uma citação do John Piper: “A má teologia desonra a Deus e destrói as pessoas. As igrejas que cortarem a raiz da verdade podem florescer por um tempo, mas logo murcham o se convertem em algo além de uma igreja crista”. Sem dúvida, uma frase contundente e profética. Sem a verdade como pressuposto principal, a igreja desmorona.

Só resta saber como vão reagir os engomadinhos relacionais quando souberem do desvio do nosso amigo estadunidense. Quem sabe, ao ver que o cara teve “coragem para por as cartas na mesa” (como disse Justin Taylor) e saiu do armário, eles também decidem sair do armário e confessar que toda essa pataquice relacional e inclusivista é apenas uma maneira de introduzir as bases de um universalismo cristão, propalado por um Deus que, sentindo-se culpado por perder o controle da história, pretende limpar toda sujeira cósmica que fez, ao permitir que pessoas não renascidas entrem no céu.

***
Postou Leonardo Gonçalves, no Púlpito Cristão

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

25 COMENTÁRIOS

  1. Bom, realmente dizer que todos os homens serão salvos, independente da sua relação com Cristo, não é bíblico,é heresia, mas quem sabe Deus não salve a todos,não acharia isso tão absurdo, Ele é Deus e faz o que quiser, ou não é lícito fazer o que quiser do que é dEle?Ele ser bom não pode ser mau aos nossos olhos.
    Lógicamente que não viverei como se isso fosse verdade, muito menos ensinaria alguém a acreditar nisso, isso pra mim é loucura, maaaass se Ele quiser, amém, quem sou eu pra retrucar o que Deus fez ou deixa de fazer?

    Fiquem na Paz do Senhor!!

  2. ahahah, na verdade CS Lewis tbm foi acusado de universatlista, e quando vi com meus olhos, reconheci q esses comentários eram bem babacas… as criticas vão cair em cima das milhares de teorias visionárias sobre o fim do mundo, se não lemos o livro ainda, vamos falar depois, se acalmem gente, nessa hora aparece crente de todo lado ahahghsa, eu prefiro esperar e falar depois de ler, boa sorte pros teóricos de plantão!

  3. Leonardo, não ficou claro, pelo menos para mim, o Pr. Rob se pronunciou a respeito das "acusações" ou não? Posso estar sendo ingênuo mas a propaganda do livro por si só pode ter várias interpretações…

  4. Pr. Leonardo,
    Graça e Paz!

    Gosto dos textos e vídeos do Pr. Rob, com algumas ressalvas claro, mas diante de muitos comentários entre os muitos leitores, resta esperar e ver se de fato este universalismo se comfirma; caso se confirme, que pena, pensar tão grande e cair nas contradições das pequenas coisas.

    Um dos meus pensamentos para todos os grandes pensadores é o mesmo: devem ter cuidado, pois quem cresce muito, ( leia-se: alcança grande conhecimento e popularidade) difícilmente assume erros e, em muitos casos, vai muito além em seus pesamentos, afirmando coisas que nem muitos deles mesmos conseguem explicar e continuar crendo furturamente.

    Por enquanto, fico com o pnesamento do Matt Carter que você postou aqui: “O inferno não é mal. Enviar um homem inocente para morrer na cruz quando sequer existe um inferno, isso sim seria mal. Separada do inferno, a cruz não tem nenhum sentido".

    Um abraço!

  5. A PAZ DO SENHOR A TODOS!

    ME PERDOE SR.DANIEL BATISTA MAS, DEUS JA DEIXOU BEM CLARO NAS ESCRITURAS O QUE VAI SER DE CADA UM DOS HOMENS;VÁRIOS TEXTOS TRATAM DO ASSUNTO LEIA JOÃO 3:16 POR EXEMPLO E O CONTEXTO É CLARO.SE O IRMÃO FOR LEITOR ASSIDUO DA PALAVRA DE DEUS DEVE CONHECER OUTRAS DEZENAS DE TEXTOS QUE DISCORREM SOBRE SALVAÇÃO E PERDIÇÃO ETERNA ENTÃO,INFELIZMENTE DESAPROVO O COMENTÁRIO DO IRMÃO POIS, SÓ CAUSA MAIS POLEMICA.

    MARIO CÉSAR

  6. Rafael,

    Nao li o livro (ainda nao foi lançado), mas a propaganda e o vídeo do Bell no youtube confirmam o que já desconfiava há muito tempo: "Bell, com seu otimismo emergente-liberal, acaba por endossar o universalismo". Tudo em nome de um "Deus bom" (segundo os padroes dele, claro!)

    Paz e bem.

  7. Como que alguém pode dizer que sem inferno não teria sentido a cruz de Cristo; isso é uma idéia insana, isso sim é sem sentido. Sou a favor da idéia de Rob Bell, pois creio que se os bilhões de pessoas que iriam para o inferno , como os crentes crêem , tornaria isso sim sem sentido a cruz de Cristo

  8. A Bíblia fala em castigo eterno, mas o que leva as pessoas como Rob Bell pensar assim(eu também sou tentada a pensar assim) é que: o inferno é terrível. Um minuto no inferno já seria um grande sofrimento. Então, isto leva as pessoas chegarem a conclusão que só um período que passe por lá, já seja suficiente. Conheci um irmão que foi um oficial na AD, e ele me dizia: "é muito sofrimento ficar eternamente no inferno, Deus provavelmente deixará os perversos por um tempo como castigo, e depois de pagarem por tudo, eles vão sair de lá. Deus é amor. Bem, temos que dar a mão à palmatória, e dizer que não foi isto que Cristo falou. No entanto, quando penso em Hitler, Stalin, nos imperadores romanos, nos illumitatis, e em outros perversos eu agradeço a Deus pelo fogo eterno. Mariom

  9. Li dois livros do Rob Bell publicados pela Vida, "Repintando a Igreja" e "Jesus quer salvar os cristãos" gostei de ambos.

    Náo notei qualquer pensamento "universalista" em sua proposta, de então. Antes, enxerguei idéias muito boas para contextualizar a missão da Igreja, com um ou outro tempero da cultura norte-americana que merece filtros.

    Há que se tomar cuidado com a pré-disposição criada, em nome da apologética, de sempre encontrarmos candidatos à fogueira paradigmática, que mantemos sempre acesa alimentada com o combustível de nossa teo-cosmovisão.

    Por essa pré-disposição a igreja já cometeu inúmeras insanidades, defendendo idéias em nome do Evangelho, que Cristo jamais defenderia. Quantas Alexandrias ainda iremos queimar?
    Quanto "fogo amigo" ainda iremos disparar?
    Seria o Rob Bel "a bruxa" da vez a ser queimado juntamente com qualquer um que tente defendê-lo?

    Não sei se dá tempo, mas temos que encontrar uma maneira saudável e respeitosa de defender a nossa fé, pois é bastante factível que poderemos ter surpresas no céu, uma vez que nem a nossa teologia, nem a do nosso oponente intelectual, conseguem encaixotar todos desígnios de Deus.

    nEle

    Ielton Isorro
    clamandonodeserto.blogspot.com

  10. Assim como o próprio Pai, não sinto o menor prazer e não tenho o menor desejo de que os homens (por mais cruéis que sejam) passem a eternidade condenados ao inferno, porém trata-se de uma escolha, uma simples escolha entre crer ou não crer.
    Meu desejo é que todos possam experimentar o que tenho experimentado de Cristo. Seu amor é constrangedor, pq por mais que eu peque, "seus braços abertos ignoram minha ingratidão" e me acolhe.

  11. Deus é JUSTO.Não apenas AMOROSO.Como Ele poderia enviar para o céu,pessoas que nunca tiveram compromisso com uma vida de santificação?Pessoas que sempre O rejeitaram e amaram o pecado,e que viveram na mais absurda iniquidade.Não,eu não quero viver com pessoas como Hitler(para citar apenas um) pela eternidade afora.Não,o céu não é lugar para abrigar tanta sujeira,maldade.Deus é SANTO,é tão SANTO,que Seus olhos não podem contemplar o mal,muito menos conviver com ele.Ele é tão santo,que não compactua com o pecado.Jesus não subiu à cruz á-toa.Ele não expôs Satanás ao vexame por nada.Ele não criou o inferno só porque não tinha o que fazer.Não,eu repudio tal engano.

  12. Que irrelevante saber se Rod Bell é universalista ou não. O movimento emergente nasceu de convicção e prática panteísta de alguns monges. A doutrina crida por essas pessoas e suas práticas guardam muita semelhança com o budismo ou espiritismo. Ora, o budismo e o espiritismo são universalistas por natureza. A roupagem evangélica dos atuais emergentes é totalmente irrelevante. Se Rod Bell não for universalista, isso apenas provará que ele é um seguidor de modas que gosta de mimetizar a linguagem de "vanguarda". Se for universalista, é coerente com os verdadeiros emergentes.

    Que perda de tempo a Igreja, mais uma vez adaptar suas convicções às dos atuais sábios deste mundo. Há vinte séculos nós, os cristãos, estamos fazendo isso, e só colhemos sofismas, enganos, pecados e crimes. Cada geração se conforma com o pensamento de sua época e nos dizem que isso é sabedoria. O Eterno conhece os pensamentos dos sábios, e sabe que são vãos, e nós deveriamos aprender com Nosso Pai que está nos céus, e enxergar o vazio que há na mente dos sábios deste mundo.

    Para mim, o pensamento de Rod Bell, e de tantos outros, é irrelevante, a não ser como estudo das heresias.

    Há muito trabalho a ser feito. Pelo que entendo, uma de nossas missões é buscar entender os debates dos dois Testamentos, para entender o que realmente o Eterno respondeu, e em que contexto. Isso dá trabalho, envolve uma pesquisa "arqueológica" dos antigos judaísmos, e não é coisa de modismo. Assim, conheceremos a sabedoria do Eterno, se ele ver em nossos corações humildade para que possamos aprender a verdadeira sabedoria.

    Então, depois disso, estudemos os pensamentos de nossa época pelas suas bases, e não por sua aparências. Nada se compreende sobre o pensamento de um escritor sem conhecer a quem ele respondeu e quais foram aqueles que o influenciaram. Julguemos a vacuidade dos homens pela sabedoria do Eterno e não o contrário.

    Se os pastores e teológos agissem assim, deixariam de ser cegos que guiam outros cegos, deixariam de ser presas das aparêcnias do mundo, e se tornariam participantes da Mente de Cristo. O povo de Deus deixaria de ser como ovelhas que não tem pastor. Nossos pastores tem sido como os antigos pastores de Israel. Como eles podem guradar suas ovelhas dos lobos, leva-las aos pastos e às águas, se eles mesmos são incapazes de identificar lobo, pasto, água? A bem da verdade, muitas ovelhas tem mais percepção que os nossos atuais pastores. Guias cegos, em sua maioria, se alguém os seguir, cairá num poço.

    Se esse pastores, nem mesmo as coisas naturais são capazes de compreender, como entenderão as coisas espirituais? Não são capazes nem de julgar as coisas pela lógica, como as julgarão pelo Espírito? A Igreja é alvo de todo tipo de engano, e a maioria de nossos pastores só pensa em números! Nosso povo é alvo de charlatões e manipuladores e nem tem condições de compreender isso.

  13. espera ai! Rob Bell nao eh uma universalista… nada que ele ensinou no seu livro "love wins" eh fora do Traditional Christian Orthodoxy. Tem VARIOS ensinamentos sobre inferno no ortodoxia. Talvez se voces evangelicos brasileiros prestaram mais atencao dos ensinos de um crente como Bell, o Brasil nao seria um pais tao injusta como eh atualmente.
    Quem aqui chamou Bell um "heretic" pode ir direito para Mathew 25:31-46 ok. Voces evangelicos brasileiros ate parece que louva mais a doutrina do que o Deus mesmo, por isso tem 100000 tipos da igreja evangelico no Brasil. Espero que isso nao eh o caso!
    Enquanto o tal de "heretic" ter muito cuidado de chamar um pastor uma coisa desses….Mathew 12:32.
    Alguem que tem tanta certeza sobre seu proprio teologia ate que chama um irmao "heretic" esta brincando com fogo!
    desculpa o portugues, estou aprendendo ainda mas se vcs querem discutir em ingles sejam bem vindos

  14. Como tem gente pensando como ele. Acham porque Jesus é amor não exercerá sua justiça. Meu Deus, é lamentável que ainda tem gente que vai por este caminho. Paz!

  15. Leonardo, vc tem noção de quão irresponsável é sua postagem? você nem leu o livro meu amigo, o video é o que no mundo publicitário chamamos de teaser, quando se estimula a curiosidade do publico insinuando o conteúdo sem necessariamente expo-lo.

    lamento por gente como você que joga a merda no ventilador e não mede as concequências, na sua teologia isso manda pro inferno?

  16. Não sei de muita coisa, não li o livro, mas uma coisa fica evidente pra mim. Se você quer mobilizar os evangélicos, crentes, protestantes seja lá quem for diga que não há condenação e que Deus não vai matar e torturar ninguém.Sai gente até do bueiro… você pode passar mil filmes sobre como precisamos compartilhar, amar, evangelizar escrever mil livros nada vai mobilizar as pessoas com tamanha raiva do que falar que não haverá condenação. É como se os "Justos" se realizassem na condenação dos "injustos". E viva o inferno!!!

  17. Na verdade também nao li o livro, mas pelos cometarios e algumas criticas que vi, acredito que Rob Bell foi muito irresponsavel em escrever esse livro. Pois é um formador de opiniao e pode assim estar fazendo com que muitos tenham uma visão errada dá palavra de Deus. Estranho algue m que conhece a palavra de Deus fazer uma interpretaçao dessa, nao sei se ele quis aparecer e criar polemica pra aparecer na midia, mas é muito estranho. Agora em Apocalipse 22:18-20 deixa uma mensagem bem legal sobre esse assunto de interpretar a palavra de Deus.

    Abraço

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui