O maior fracassado de todos os tempos segundo a ótica dos teólogos da prosperidade.

9
630
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Renato Vargens

Assine o Blesss
Para os teólogos da prosperidade o apóstolo Paulo pode ser considerado o mais fracassado ministério de todos os tempos.

Ele não foi rico, não possuiu grandes propriedades, não teve carros, cavalos e barcos, não morou em palácios, nem tampouco possuiu ouro, prata e riquezas. Para piorar a situação, o apóstolo aos gentios, recebeu dos judeus cinco quarentenas de açoites,  foi açoitado com varas, apedrejado, sofreu três naufrágios, passou uma noite e um dia no abismo. Em viagens muitas vezes, em perigos de rios, em perigos de salteadores, em perigos com os patrícios, em perigos com os gentios, em perigos na cidade, em perigos no deserto, em perigos no mar, em perigos entre os falsos irmãos, em trabalhos e fadiga, em vigílias muitas vezes, em fome e sede, em jejum muitas vezes, em frio e nudez. Além disso ele foi preso algumas vezes,  lançado em cárceres fétidos e mal cheirosos, tendo morrido na mais profunda miséria.

Para os defensores da teologia da prosperidade Paulo não estava na visão e por não possuir a unção de Deus morreu a mingua.

Pois é, pobre Paulo, miserável Paulo, não pode ser comparado aos apóstolos de hoje que são homens “ungidos” além de proprietários de jatinhos e mansões e milhões.


Pobre que nem Paulo
, só um tal de Jesus de Nazaré.

Pense nisso,

Renato Vargens

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

9 COMENTÁRIOS

  1. Paulo nos deu o exemplo de que não é tempo de se acumular tesouros, muito embora tal observação seja encontrada na Epístola de Tiago: "Tesouros acumulastes nos últimos dias". Lendo Hebreus, percebo que, mesmo nos tempos dos do Antigo Testamento, os heróis da fé também perceberam profeticamente que o chamado deles não se resumia às cosias desta vida. Abraão nada adquiriu em Canaã além da própria supultura. Antes de morrer, José, que era o primeiro ministro da maior super-potência da época, pediu que seus ossos fossem levados do Egito pelos israelitas quando ocorresse o êxodo. No Salmo 16, o Davi também demonstrou a consciência de que aguardava uma vida eterna com Deus muito mais gloriosa do que a sua vida como o monarca de Israel quando disse: "Pois não deixará a minha ama na morte". E o que diremos de Jeremias e de Ezequiel? Nesta última sexta-feira mesmo eu estava lendo o capítulo 45 do livro de Jeremias quando o profeta assim fala a Baruque: "E procuras tu grandezas? Não as procures; porque eis que trarei mal sobre toda carne, diz o SENHOR; a ti, porém, eu te darei a tua vida como despojo, em todo lugar para onde fores". Amados irmãos, o que podemos esperar desta vida senão um viver com propósito segundo os planos de Deus? Paulo sofreu terrivelmente, mas acredito que ele foi imensamente feliz porque a sua realização estava em servir a Cristo, não nos seus próprios desejos, aguardando uma vida eterna. Já os charlatões da prosperidade estão é causando frustrações no povo de Deus. Neste mundo teremos aflições, mas devemos ter bom ânimo porque Jesus venceu o mundo.

  2. Não quero nem comentar as teologias da prosperidade. Basta citar o próprio apóstolo Paulo: Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema. Gálatas 1:9. Os Evangelhos contrariam tal teologia. Mas e nós, que não concordamos com tal prática, o que temos feito pelo Evangelho? As vezes me pergunto o quão desligado desse mundo sou? Se é que somos? Hoje li um texto maravilhoso do Caio Fábio(www.caiofabio.net), O MUNDO ACABOU PARA MIM! E pensei, como eu queria poder me sentir assim, e dizer com convicção, que o mundo para mim, já não tem a mínima importância, não tem nenhum valor. Não por depressão ou angustia mas, simplesmente, por que sei que daqui eu não sou, como ELE o disse! Mas provavelmente seja, porque fomos criados a sua imagem e semelhança, criados para sermos eternos e abtarmos o paraíso que somos tão apegados a essa existência. Mas o melhor de DEUS está por vir. Então, do que nos adianta fama, posição social, mansões, jóias de diamante e ouro, carrões, … Não sou hipócrita, de dizer que não quero um mínimo de conforto, nem que não desejo um salário digno, a ter que fazer malabarismos até o final do mês. Não é isso. Mas, muitas vezes, desejamos muito além daquuilo que necessitamos, nos tornando apegados demais ao material. Nos importamos sim com elogios, com realização profissional. A grande maioria, pra não dizer a totalidade, quer sim bons carros, casas maravilhosas. Até onde vai nosso materialismo? E a ispiritualidade como vai? A verdade é que pensamos mais nas bençãos no mundo, do que empilhar tesouros no céu!!!

  3. Esse foi APÓSTOLO,que pregave e morreu porque pregava o Verdadeiro Evan
    gelho,não essa embromação que aí está.Que esses que tomam para si esse título,criem vergonha na cara e temam a Deus.E quantos aos demais aten
    tem para si mesmos ,pois há muito deixaram o primeiro Amor.Os telogos ,
    é porque teólogos não são,observem bem os seus caminhos e se arrependam

  4. é bem verdade o que foi dito no texto e para os "apóstolos" de hoje em dia digo que eles estão recebendo os seus galardões aqui mesmo na terra e não terão direito a um galardão eternal.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui