Meu jeitinho delicado de ser

5
72
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Márcio de Souza

Assine o Blesss
Muita gente me escreve falando que está sendo mal tratado pelo seu pastor. Como é que é isso? Gente que tem medo de se aconselhar com seu pastor e tem que procurar outro camarada que nem conhece pra aliviar as dores da vida. Isso é um absurdo.

As reclamações vão de desprezo (nunca procurou a pessoa) até maus tratos (gente que foi humilhada publicamente pelo pastor). Conheço um caso que tomou vulto aqui nas redondezas de um casal que foi exposto dentro da igreja lotada em dia de ceia. Questões extremamente particulares foram tratadas em público o que gerou um desconforto absurdo na membresia, mas não no pastor… era o “jeitinho” dele de lidar com disciplina.

A recíproca é verdadeira também, já vi membros de igreja colocar o pastor em situações complicadíssimas, xingamentos em pleno pátio em dia de domingo. O pastor suportou calado, fez o que a bíblia manda, mas se fosse eu talvez o babado fosse diferente e eu tivesse cometido um pecado terrível mas iria pra casa com a alma lavada. E talvez a mão doendo. Que Deus me dê auto controle! Admito que em certas circunstâncias extremas o sangue sobe.

Mas até hoje não feri ninguém com meu “jeitinho” de ser (pelo menos que eu saiba). É preciso ser maleável. Não negociar os princípios do evangelho mas ao mesmo tempo entender que devemos estar em constante mudança pra melhor. Que Deus derrame sobre nós crentes sua teperança e equilíbrio para não matarmos pessoas com nosso jeitinho meigo e carinhoso de ser!

E no mais… tudo na mais santa paz!

***
Postou Marcio de Souza, no Púlpito Cristão

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

5 COMENTÁRIOS

  1. Graça e Paz a todos, muito oportuno este post do Márcio, pastoreio uma igreja no Rio de Janeiro e somos um ministério novo, porém com uma convicção a de que fomos chamados para cumprir fielmente tudo o que nos manda o SENHOR sem qualquer invencionisse, porém ainda ontem dia 13 de fevereiro, fui fazer uma visita a uma ovelha que até onde sabia estava com problemas pessoais com a esposa, a ponto de ela ter ido passar o carnaval com a mamãe e ele estar na casa da mamãe dele que por sinal é sua vizinha, ao chegar no dito irmão, recém casado e jovem (imaturo), fui bombardeado ao saber que o motivo dele e da "bençao" dele terem sumido foi culpa minha. O irmãozinho veio cheio de estória contra mim, se apoiando inclusive no fato de que em determinada pregação minha falei, dei minha opinião sobre um pastor que dançava até o chão a musica não se reprima do Menudo. Descobri então o desabor do casal o tal pastor é tio da mocinha e eles ficaram chateadinhos e apesar de estarem vivendo problemas no casamento e viverem brigando a culpa de tudo é do pastor Rocha (eu), tenhamos sabedoria e humildade para reconhecer quando erramos, mas não vamos aceitar pecado muito menos em cima do pulpito e tenhamos sabedoria tanto líderes como ovelhas pois vidas podem ser afetadas pelo mal uso da língua.
    PS. Não se preocupem pois já soube que o casalzinho está indo pra igreja do titio menudo e que é bastante liberal.
    VIVAMOS HOJE COMO SE CRISTO VIESSE AGORA.

  2. Anônimo, primeiro identifique-se, depois escreva com sabedoria, não sei de qual igreja do RJ você fala, mas com certeza não é o nosso ministério (nada contra se alguém faz o que você está acusando), porém não estou aqui pra falar da vida alheia, cada um na sua o céu é para os salvos.
    DEUS abençoe vc.
    Obs: Não somos G12 valeu?

  3. Prezado Leonardo,
    Solicito que verifique se é fato ou boato, a noticia de que o sr. Ronaldo Rodrigues de Souza, presidente da CPAD, estaria usando o cargo para realizar batismos em sua denominação Assembleia de Deus, mesmo que isso vá de encontro a doutrina da Igreja.
    Se for verdade é o fim da linha, não sei mais onde vamos parar. 1º foi a Dake, agora querem introduzir esta prática de membro efetuar batismo em águas,
    Todavia não sei se é verdade, peço ao amdo irmão, que é bem informado, se isto procede ou não.
    Desde ja agardeço,
    André.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui