Eles não argumentam, esculhambam

3
341
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Gutierres Siqueira

Você é isso. Você é aquilo. Você é aquilo outro. Assim começam muitos debates no decorrer da história. Ou seja, muitas discussões são recheadas de clichês, produção de estigmas e adjetivos para com o adversário no embate. Os avessos à verdade não gostam de argumentos, pois são incapazes de contra-argumentar, então logo apelam para o estigma. Dessa forma escapam da verdade como um gato da água gelada.

Assine o Blesss

Por exemplo. Ouse criticar o ministério de um famoso pastor que prega heresias. Em lugar de contra-argumentar a sua tese, os advogados do pastor-artista chamarão você de invejoso, filho do diabo, desviado, frio etc. Ou seja, em momento algum responderão as questões levantadas, mas apelarão para o modo mais fácil de escapar da verdade, que é através da adjetivação negativa do adversário.

Portanto, fique atento com esse tipo de debatedor. Eles sempre aparecem, principalmente pela capa do anonimato, que é o reflexo no mundo virtual da falta de um bom caráter no mundo real.

***
Fonte: Teologia Pentecostal. Divulgação: Púlpito Cristão. A imagem utilizada é uma homenagem aos nossos ilustres senadores, Renan Calheiros, Fernando Collor e Pedro Simon, mestres na arte da esculhambação! Lembram?

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

3 COMENTÁRIOS

  1. Acho que o cristão que fica em evidência na Igreja, geralmente como pastor, levita, etc, se sentem pressionados, pois aquilo que conseguimos esconder facilmente em nosssas vidas fica mais difício pra eles….mas realmente têm aqueles que se dizem ovelhas e são lobos, e é papel da Igreja do Senhor distinguir isso. Pelos frutos e pelo amor saberemos se o cara é de Deus msm… acho isso

  2. Há dias atrás, testemunhei um pastor dizer publicamente que quando de Campanhas de Israel, onde se lançam desafios de "prosperidade", muitas pessoas que aderem e acabam por "doarem" certas quantias, depois de algum tempo, não conseguindo a retribuição da "benção", ficam reclamando pelos cantos, denegrindo até mesmo a imagem da igreja e dos pastores, e que "Deus não faz barganhas", muito menos com pessoas pecadoras e adulteras, e que a pessoa para ser abençoada por Deus, obrigatoriamente deve ter uma vida de santidade e adoração.
    Ora, irmãos, esse argumento é falso, provando que houve má fé e esperteza por parte do pastor. Senão vejamos: Se Deus não faz barganhas com pecadores, porque não há uma orientação prévia neste sentido antes do pedido de "doação"?

  3. O que falto na sociedade Cristã e a falta de Discernimento Espiritual e Conhecimento Bíblico.
    Temos que orar para termos o dom do Discernimento e que o Espiro Santo abra nossa mente, coração e faça morada.

    Deus Abençoe A Todos…
    Carlos Leão.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui