Por que o meu blog se transformou em um blog apologético?

1
319
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.


Por Renato Vargens

Assine o Blesss

O Senhor me tem concedido o privilégio de escrever. Pela graça de Deus tenho escrito livros, artigos e crônicas pastorais, que nos últimos anos tem abençoado milhares de pessoas nos mais diferentes países.

O meu blog possui mais de 530 artigos publicados nos mais diferentes temas, onde família, juventude, cotidiano, missão integral, cidadania e política, música e teologia se fazem presentes.

Uma multidão de mais de 200 mil pessoas já leram os meus textos, deixando impressos em páginas digitais, milhares de comentários. Ultimamente, em virtude da apostasia evangélica, bem como as aberrações teológicas dos apóstolos da modernidade, tenho dedicado parte dos meus escritos a apologética, onde de forma séria e apaixonada tenho procurado defender a doutrina cristã. Entretanto, algumas pessoas ao longo dos últimos meses me têm escrito criticando a minha forma de defender a fé. Para estes, em nome do amor, eu não deveria apontar os desvios doutrinários das igrejas evangélicas e sim promover a unidade da Igreja de Cristo Jesus. Segundo estes irmãos, defender a fé não deve ser um ato prioritário do cristão, até porque, somente o Senhor é quem possui poder para julgar os corações dos homens.

Pois é, acabo de Chegar de Cabo Verde, África, onde tive o privilégio de pregar em um Congresso de Famílias. Ao caminhar pelas ruas da capital, pude perceber a existência de uma enorme Catedral da Igreja Universal do Reino de Deus. Sem titubeios perguntei a um dos pastores que comigo estava: O que eles têm pregado por aqui? O pastor demonstrando uma enorme preocupação respondeu: Um evangelho diferente do ensinado na Bíblia. Segundo ele, a IURD havia ressuscitado algumas práticas pagãs onde a superstição e o misticismo se faziam presentes jogando por terra o trabalho de décadas dos missionários cristãos.

Como inúmeras vezes escrevi neste blog, não sei fazer o jogo do contente, nem tampouco consigo fechar os olhos as aberrações teológicas do neo-pentecostalismo. Em virtude disto acredito que mais do que nunca a Igreja de Cristo precisa preservar a sã doutrina defendendo os valores inegociáveis da fé cristã. Isto posto, afirmo que a apologética cristã é um ministério indispensável a saúde do Corpo de Cristo.

A palavra “apologética” vem do grego “apologia”, e significa “uma defesa verbal”. O termo é utilizado oito vezes no Novo Testamento: At 22:1; 25:16; 1 Co 9:3; 2 Co 7:11; Fl 1:7,17; 2 Tm 4:16; 1 Pd 3:15. A apologética é a parte da Teologia que se encarrega de apresentar uma defesa da Bíblia contra toda e qualquer contestação que possa surgir por parte de qualquer pessoa. Nessa defesa podem-se incluir as ciências como: Arqueologia, Paleontologia, Biologia, Filosofia, Matemática, Física, Química, etc. (1)

Como bem disse Robson Tavares Fernandes a boa apologética é aquela que consegue englobar todas essas áreas de conhecimento de acordo com as necessidades, aplicando-as apropriadamente, com mansidão, temor e amor por aqueles que estão vivendo no engano.

Pois é cara pálida, dias dificeis os nossos! Por mais que alguns defendam o silêncio e a “polianização” da fé, não me é possível calar diante das distorções teologicas do catolicismo romano, do neo-pentecostalismo e outros tantos “ismos” mais.

Em virtude disto não exitarei em continuar defendendo a fé cristã apontando erros e dando nome aos bois.

“Doela a quem doela”, isto farei.

Nele que é a verdade absoluta,

Renato Vargens

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

1 COMENTÁRIO

  1. Renato, ha muitos anos eu vinha recebendo bordoadas as mais diversas e algumas muito doloridas, por nao me conformar com o evangelho contemporaneo, e como musico era cobrado duplamente. Ok, passei por varias igrejas por forca do trabalho com a musica e em todas elas, sem excessao, fui sempre bem visto, mas com alguma restricao, dado o meu posicionamento quanto 'a modernizacao da musica, da liturgia e da maneira de adorar a Deus e se apresentar 'a Ele.
    Dou infinitas gracas 'a Deus por, de um tempo para ca', ver que estao surgindo, lideres, um aqui, outro ali, dispostos a romper com o sistema e voltar ao verdadeiro caminho da graca onde so' a graca e' que vale e que nao custa nada a nao ser, arrependimento e aceitacao para perdao completo dos pecados, justificacao e salvacao.
    Aleluia ! (isso nao e' um berro,rs)
    Verdadeiras quadrilhas, algumas internacionais tem-se formadoe passam na vida dos crentes como uma nuvem de gafanhotos toooodos os dias, ai no Brasil, aqui nos USA e pelo mundo afora.
    Vamos, de uma vez por todas, romper com esse sistema satanico que usa o nome de Jesus, e regatar o verdadeiro significado de ser seguidor de Cristo.
    Bencaos e Paz.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui