A indiferença nossa de cada dia

2
212
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Por Jonara Gonçalves

Assine o Blesss
Na Colômbia, Congo e Uganda, aumenta o número de guerrilheiros que sequestram crianças para lavar-lhes o cérebro e fazê-los soldados da guerrilha e agentes da violência.

Cada dia mais e mais meninas se entregam a prostituição, meninos viram dependentes de drogas, crianças violentas e assíduas ao roubo. E nós insistimos em fechar os olhos para este mundo.

Quando ouvimos uma história extremamente violenta, pedimos justiça, mas ninguém pensa em pregar Cristo ao violento. Cristo? Sim, Cristo!

Nós ficamos revoltados com o todo enfiado na escola, mas quantos de nós gastamos tempo com crianças para mostrar-lhes Cristo? Não digo que as professoras estejam certas, porém, nossa indignação com falta de ação não traz a solução pra alma destas crianças.

Quantas crianças evangelizamos? Quantos amiguinhos de nossos filhos conhecem Jesus através de nós? Os filhos dos crentes conhecem muito mais Davi, Samuel, as pragas do Egito, Paulo, Pedro e Judas, do que Jesus. A maioria aprende que Jesus é um “Deus tirano” que vive lá no céu – e há quem diga que no coração dela também – e nunca sentiram a paz que dEle vem. Nunca aprenderam que Ele é um amigo.

Precisamos urgentemente tratar as crianças como “almas”. Como pessoas que precisam ser resgatadas tanto quanto um adulto.

Precisamos rever o mundo onde elas estão se estruturando, e ensinar um caminho de verdade, ao invés de ficarmos enfadados com o avanço da violencia, prostituição e coisas do tipo.

Eu e você, somos responsáveis por estas almas. Se formos negligentes com elas, Deus cobrará isso de nós.

Despertemo-nos ao clamor destas crianças. Abramos nossos olhos e busquemos nosso pequenos vizinhos e amiguinhos, e falemos de Jesus!

***
Postado por Jonara Gonçalves, no blog Mulher Adoradora e no Púlpito Cristão

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

2 COMENTÁRIOS

  1. Léo,
    Graça e Paz!

    Muito boa postagem, é uma mensagem de despertamento para cristãos que ainda não acordaram para esta realidade.
    Precisamos investir mais no ensino infantil, mas não só com história marcantes de personagens bíblicos, mas principalmente ensinar sobre Cristo e sua maravilhosa obra.
    Deus continue abençoando sua vida, meu parabéns a irmã Jonara por mais uma bela postagem.

    Uilson Camilo.

    Obs. quero pedir sua altorização para publicar em meu Blog.

  2. lindo post léo…eu era professora da EBD da minha igrejas entretanto estou um pouco afastada por conta de compromissos da faculdade de psicologia.
    Sinto muitas saudades da epoca q eu ministrava as crianças e penso em voltar o mais breve possivel, pois vejo que essa geração tem estado cada vez mais carente… Os pais saem p trabalhar e passam o dia inteiro fora, deixam as crianças com a babá e pensam q estão fazendo o melhor para seus filhos…acham q o melhor eh so o material.Na verdade as crianças ficam sem limites(pois, não tem exemplo de autoridade)e acabam por não ter carinho e amor por parte dos seus pais. Sem falar na espiritualidade torna q vem se formando fruto desse afastamento dos pais, pois estes não ensinam o caminho para uma espiritualidade sadia e as crianças acham q vir a igreja todos os domingos e ouvir a historinha do tia ou da tia da EBD é o suficiente para a salvação. Por isso depende de nós para q essa geração venha a ser apresentada a Jesus.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui