Luiz Bassuma do PT perde seus direitos partidários por lutar contra o aborto

7
373
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O deputado Federal Luiz Bassuma (PT-BA) perdeu no último dia 17, pelo período de um ano, todos os seus direitos partidários.Não pode mais exercer seu mandato de forma plena, não pode participar de comissões da Câmara ou se pronunciar em nome do PT. Não pode sequer votar ou ser votado nas instâncias partidárias, o que inviabiliza sua participação nas eleições de 2010.A decisão foi tomada pelo Diretório Nacional do PT, que não aceitou o engajamento de Bassuma na luta contra o aborto.Desde 2007 o PT apoia a interrupção da gravidez. Bassuma fez da luta contra o aborto sua bandeira e disse que não se renderia ao partido.Punido, garantiu que não vai deixar o PT para disputar a reeleição em outra sigla. Vai ingressar com ação no Supremo Tribunal Federal para tentar reverter a decisão e evitar que o PT “perca sua alma”.“Vou ganhar no STF e manter minhas convicções pessoais. Acho que o julgamento vai ser bom não só para mim, mas para todos que não abrem mão de questões de foro íntimo, nem mesmo pelo seu partido”, disse.
Por que e como o PT suspendeu seus direitos partidários por um ano?Estou há 15 anos no PT e sempre lutei contra o aborto. Essa é uma de minhas principais bandeiras. Só que em 2007 o PT mudou. Passou a defender o aborto. Eu, naquela hora, disse que não poderia defender isso. Em 2008 colhi assinaturas e apresentei a CPI do aborto, que só não é instalada porque o PT se recusa a nomear seus representantes. Então uma grupo de mulheres do PT me denunciou no Conselho de Ética e acabei punido.
Não tentaram expulsar o senhor?Sim, mas são precisos 38 votos no Diretório para expulsar. Faltaram três. Por isso sugeriram a suspensão de um ano – e com 54 votos favoráveis ela foi aceita. Soube que o presidente do partido, Ricardo Berzoini, achou melhor assim. Não queriam me transformar no mártir da luta pela vida.
Sem poder ser candidato, não vai mudar de partido para a reeleição?Quando me puniram acharam que eu iria sair correndo para outro partido. Pediriam então meu mandato na Justiça. Mas não vou fazer isso. Vou ficar no PT e vou no Supremo Tribunal Federal (STF) tentar reverter a decisão do Diretório que considero autoritária. A Constituição diz que ninguém será privado de direitos por defender questões filosóficas, religiosas ou políticas. Vou ganhar no STF e manter minhas convicções pessoais. Acho que o julgamento vai ser bom não só para mim, mas para todos que não abrem mão de questões de foro íntimo, nem mesmo pelo seu partido.
E como vai ser sua atuação de deputado daqui para frente?Me tiraram de todas as comissões, não sei se vou poder sequer falar na tribuna. Mas estou andando com uma bandana escrito “censurado”, que se nem falar eu puder vai ser o meu protesto.

Assine o Blesss

***
Fonte: blog do Noblat

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

7 COMENTÁRIOS

  1. Durante muito tempo, este partido foi exemplo, e símbolo de ameaça ao que já estava estabelecido.
    O próprio deputado prefere se manter no PT.
    Para qual outro partido ele se afiliaria hoje?(ele conhece suas opções).

    O PT é um partido que apresenta rupturas entre seus membros, por que é constituído ainda de gente que buscou sua afiliação por conta de idealismos(ilusórios ou não).
    Veja bem: não votar por ser PT, seria deixar de votar exatamente neste deputado sério, que vai de encontro aos "atuais" interesses do partido.
    Este tipo de "político" é mais comum nesta legenda.
    Deixar de votar em alguém digno, por conta de um partido, seja ele qual for, não me parece a coisa mais sensata, mesmo se não fosse meu pai…

  2. Pensar em aborto é complicado,por exemplo exigir que uma menina de 10 anos tenha um filho e corra o risco de morrer ou se sobreviver ter que criar um filho fruto de uma agressão covarde e desumana.
    Sou contra abortos feitos por motivos torpes,vadiagem para melhor dizer!
    Se liberar geral o aborto será uma carnificina!
    Mas existem casos que acho mais apropriado o aborto.
    Muitos defendem que não pode abortar seja qual for o motivo,é fácil criticar quando você não é vítima,não sejamos hipocritas e vejamos a realidade da vida!
    Intolerância não leva a nada.
    O PT se perdeu no governo,mas tem feito algumas coisas pelo país,provlema que como sempre a nação brasileira é dominada pela ignorância e a mídia conduz a população da forma que querem!
    Não podemos acreditar em tudo que nos dizem,aveeriguar os fatos é bom mas quem está disposto a tal?
    Na minha visão não existe partido que possa ser perfeito,como nenhum foi até agora!
    O aconteceu foi que os partidos que hoje são oposição escararam a verdadeira Brasília vizando prejudicar o governo Lula,na veerdade a podridão sempre existiu!
    É pela ignorância popular que os opressores dominam!

  3. É por isso que não apoio que um Servo de Deus seja político.
    Quando alguem ganha uma eleição ela não é de quem ganhou e sim do partido, e terá sempre que votar como o partido quer.
    Portanto ser político é o mesmo que ser escravo, (SEM OPINIÃO PRÓPIA)

    Stefan Zakowski
    szakowski@bol.com.br

  4. Que nojo!

    Em que coisa o PT tem se tornado. Decepção por cima de decepção – é robalheira, falta de ética, escândalos, autoritarismo…

    O PT também tem perdido muita gente boa por causa disso. E com certeza está perdendo eleitores como eu.

  5. nas últimas eleições não votei no PT…o Brasil vive uma crise politica e espiritual…porém, são nesses momentos que devemos protestar contra os abusos e propostas que vão contra Deus e sua vontade….NÃO ao aborto…estou contigo deputado! Se alguém tiver o e mail do deputado Bassuma, postem estarei contactando o mesmo, pois tenho um projeto para apresentar em alguns locais, onde palestras serão feitas sobre o porque que o cristão não é a favor do aborto.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui