Mentiras do Evangelho da Prosperidade

14
359
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

.

Por Daniel Rocha
NÃO É VERDADE que não teremos sofrimento na vida! O próprio Jesus, sendo o Filho de Deus, não foi poupado de nada que nós também não viéssemos a sofrer. Ele próprio advertiu que no mundo passaríamos aflições, mas que tão somente crêssemos Nele e na sua vitória final. O Mestre também avisou a Pedro que Satanás o requerera para “peneirá-lo”, entretanto Jesus não promete livrá-lo de tal infortúnio, mas diz que oraria, “para que a tua fé não desfaleça”. Este próprio apóstolo, mais tarde escreveria para que não estranhemos o fogo ardente que surge em nosso meio destinado a provar-nos.

Assine o Blesss

NÃO É VERDADE que enfermidade é sinal de pecado, e que o cristão fiel não adoece! Servos fiéis em Cristo podem, em algum momento da vida desenvolver Alzheimer, catarata, depressão, labirintite, câncer, osteoporose ou qualquer outra doença. Neste exato momento há um sem número de cristãos nos hospitais orando humildemente por saúde ou aguardando operação. Companheiros de Paulo, Trófimo ficou doente em Mileto, Epafrodito adoeceu mortalmente chegando às portas da morte por causa da obra e Timóteo sofria de freqüentes enfermidades do estômago. Há vidas trágicas com saúde e há vidas abençoadas sem saúde.

NÃO É VERDADE que todos seremos ricos no sentido material! Cristãos sinceros espalhados neste mundo morrerão sem nunca ter abundância de bens. Milhões de cristãos sudaneses, nigerianos ou quenianos sequer possuem sandálias para calçar. Habitantes do Jequitinhonha, bolsão de miséria no Brasil, poderão conhecer a Cristo, mas provavelmente continuarão morando em suas sufocantes taperas sem jamais se refrescarem sob um ar-condicionado. Devemos lutar contra essas terríveis injustiças sociais, mas sempre sabendo que “nada temos trazido para o mundo, nem cousa alguma podemos levar dele. Tendo sustento e com que nos vestir, estejamos contentes”.

NUNCA MAIS digam que se alguém não é curado, a culpa é da falta de fé. A muitos que Jesus curou não hes exigiu fé, nem méritos, mas Ele o fez exclusivamente por sua Graça e misericórdia. Eu creio, mas clamo constantemente como aquele pai: “Senhor, ajuda-me na minha falta de fé”.

NUNCA MAIS preguem que as coisas ruins são sempre resultado de maldição. Desde Jó tentaram lhe imputar algum pecado oculto pelo qual estava sofrendo. E ele era justo. Caiu uma torre em Siloé e matou alguns homens. Aos olhos do povo isso poderia indicar que havia algo de errado com eles. Mas Jesus asseverou: “vocês crêem que aqueles dezoito sobre os quais a torre caiu eram mais pecadores do que os demais habitantes de Jerusalém? Em verdade eu digo a vocês não eram. Mas se vocês não se arrependerem, todos igualmente perecerão”.

NUNCA MAIS afirmem que Deus os pôs por “cabeça e não cauda”, tentando justificar proeminência para si. O Reino de Deus é composto em sua maioria por gente humilde, como copeiras, auxiliares, pedreiros, costureiras, gente que nada é aos olhos do mundo. Não há vergonha nenhuma nisto, pois a vida de um homem não consiste na abundância de bens que ele possui.

PAREM de afirmar que são “filhos do Rei”, e por isso estão a salvos das intempéries da vida. Mesmo os filhos do Rei baterão seus carros, torcerão tornozelos, amargarão tempos no hospital e passarão por aperto financeiro.

NUNCA MAIS deturpem textos bíblicos para justificar seus engodos como fizeram com “tudo posso naquele que me fortalece”, que foi retirado do seu contexto original para inferir que “posso alcançar tudo o que eu desejo”, quando na verdade Paulo está falando de sua tribulação, humilhação, pobreza, abandono, escassez… e que ele podia “suportar todas aqueles coisas Naquele que o fortalecia”.

DEIXEM de buscar “cobertura espiritual”, designação que tem produzido ídolos cheios de empáfia que não podem ser contraditados. O que vale não é a cobertura, mas o estar sobre a rocha, que é Cristo.

***
Fonte: Bereianos [Via Soli Deo Gloria]

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

14 COMENTÁRIOS

  1. As mentiras do “Evangelho da Prosperidade” todo cristão sincero está careca de saber e não se deixa enganar pela propaganda enganosa praticada por estes segmentos que fazem da fé um meio de vida e de lucratividade. A palavra “trapaça” cai bem quando o assunto envolve o rosário de objetos milagrosos e revestidos de poder negociados dentro destas comunidade que sem o menor pudor fazem de tudo para convencer os fiéis a aceitarem suas idéias mirabolantes de sucesso.
    Como evangélico sinto-me envergonhado e até perplexo com os rumos que a exploração irracional da fé está tomando sem que algo seja feito ou que alguém com maior poder de influência levante e declare guerra a estes mercenários religiosos que se espalham pelas ruas de nossas cidades.
    Quanto as verades, elas são fáceis de serem percebidas e a principal delas é o LUCRO fácil. A suntuosidade dos transatlânticos religiosos que escolheram esta linha de conduta nos descaminhos da fé provam incontestavelmente quais as intenções de seus líderes. Outra coisa que buscam e que não encontra respaldo nas escrituras é o sucesso e para isto pouco importa a qualidade do espetáculo que les apresentam para agradar o povão. Neste show montado com o brilho dos holofotes o diabo é reverenciado e honrado sem qualquer exigência, aliás ele é convidado e em muitos casos ele reina absoluto durante toda a programação.
    O verdadeiro evangelho ensinado nas Escrituras está sendo violentado e falsificado para atender aos desejos de pessoas sem quelquer escrupúlo que que visivelmente estão mais preocupadas com a conta bancária da instituiçãp do que com as almas sedentas que buscam na religião uma forma de aliviarem seus problemas.
    Os mercenários da fé, como afirmou alguém neste Blog, precisam de uma boa dose de óleo de peroba para tentarem dar um brilho melhor nas caras de pau que eles ostentam diante das multidões.
    Infelizmente nos tornamos vítimas de um cristianismo barato, onde se negocia tudo, onde Deus é buscado não pelo que ele é, mas pelo que ele pode oferecer aos desesperados, assim os espertalhões vendo nesta situação uma oportunidade de lucrarem com o sofrimento do povo, pouco importam com as metodologias a serem utilisadas, o que interessa é verem as contas bancárias engordando cada vez mais, lógico sem o menor esforço.
    Fico me perguntando se uma rede de Televisão como a Record tem alguma relação com o verdaderiro evangelho e não consigo encontrar qualquer relação entre as suas prática e os ensinos de Jesus. A progamação de uma emissora administrada por um pastor (hic!!1) – diga-se lobo – em hipótese alguma poderia ter qualquer relação de afinidade com as coisas deste mundo, mas na realidade o que se vê é uma inteira submisão aos praseresdeste mundo. Lamento profundamente que o povo evangéli não tenha a coragem de ignorar este canal de TV. Creio que esta seria uma forma de darmos um basta nesta hipocrisia religiosa que se alastra sobre a nação brasileira de forma agressiva e violenta. A imoralidade nas questões que envolvem esta relação promíscua entre “fé” e o diabo é algo vergonhoso, algo que faz-nos pequenos diante do poder econômico que estas forças satânicas estão usando para fazer do evangelho um mercadoria de troca nas relações entre o homem e Deus. A fachada religiosa está clara e os produtas oferecidos são os mais variados com a sessão de descarrego sendo o prato chefe de uma imoralidade religiosa jamais vista em outro lugar do planeta.
    A verdade é que se não fisermos algo logo seremos engolidos por esta onda industrial de cristianismo e aí só nos restará esperarmos que Deus na sua infinita bondade possa usar de algum milagre para que possamos nos salvar deste mar de lamas que se instalou no sei da religião de nosso país.

  2. A minha opinião é a seguinte: Este povo que freqüenta a Internacional, Universal, e outras do gênero, não estão preocupado com salvação, mas com bênçãos, e é por isso que não procuram a igrejinha simples na rua de casa.
    Estes crentes tem doutores conforme os seus próprios pecados, pois eles mesmo são quem os escolhem. Este povo tem comichão nos ouvidos. Que sofram na mão do diabo até aceitarem ao Senhor Jesus.
    Muitos artistas, por exemplo, dizem que se converteram mas continuam praticando coisa más e não mudam muito sua conduta, e como são assim, procuram igreja “liberais” que aceitam os pecadores com seus pecados e tudo mais.
    Agora, adivinha: Se uma igreja não se preocupa com salvação de almas, ela vai ocupar seus cultos com o que????? com o dinheiro das almas!!! lógico.

    Abraço.

  3. Dileto Luis,

    Não frequento nenhuma das igrejas que o senhor mencionou, contudo conheço gente simples e gente “importante” que frequentam essas igrejas, que mudaram seus comportamentos e continuam mudando, que graças a GRAÇA de Deus foram aceitas como “pecadores e com seus pecados” na Igreja de Jesus.

    O que me pareceu estranho foi sua sentença: “que sofram na mão do diabo”. Não sei se compreendo bem, mas me parece que os ensinamentos de Jesus vão contra seu julgamento. O que aprendo da bíblia é que o Reino de Deus (e quem está sob esse reinado) só é conhecido por Deus. Joio e trigo só Ele separará no dia final.

    Julgar uma causa só é possível quando se tem conhecimento de todos os fatos, se o irmão o tem, continue a protestar, diagnosticar, sentenciar, caso contrário, seria bom rever a si próprio, se suas más condutas (se é que as possui) já foram mudadas, se já nao consegue viver mais sem pecar e etc…

    Grande abraço,
    Fica na Paz!

    Marcos Vicente

  4. Maravilhosas verdades expostas neste post. Por mais que queiram discutir, duelar, impor verdades, o fato é que só há duas maneiras de se estabelecer as coisas: ou elas são verdade, ou são falsas.
    A teologia da Prosperidade em questão, ou confissão positiva, se enquadra na segunda sentença. É falsa.
    QUe compreendam os defensores, ou aqueles que conhecem pessoas (que conhecem outras pessoas) que vão à Igreja e são abençoadas. O que se discute neste caso não é Deus, sua infinita capacidade, bondade, misericordia. Ele com certeza pode abençoar qualquer pessoa, mesmo as que frequentam estes lugares. Fato é que estas pessoas estão sendo enganadas por falácias! Diga-se de passagem, é muito fácil pegar um texto bíblico, trechos, frases, descontextualizar e criar uma “nova” visão das coisas.
    Já está na hora das máscaras serem arrancadas… são os ensinadores destas práticas pseudo cristãs que estão errados, espalhando conceitos falsos, destruindo ideais do cristianismo, deixando Deus de lado em favor do material
    Meus parabens pela atitude de colocar os pontos certos, uma visão perfeita!

    Um abraço
    Rodrigo

  5. “Senhor, ajuda-me na minha falta de fé”. É o que tenho clamado ao Senhor JESUS, diante de tanta coisa que está acontecendo dentro dos lares e dentro das igrejas.

    Só mesmo a misericórdia do Senhor JESUS, para haver uma mudança, uma transformação, nos lares,nas igrejas e na nação.

  6. creio no evangalho,ms descreio na igr.acredito ser uma entidade falida,99por cento delas so se preocupam c/ elas mesmas,em arrecadar dinheiro,crescer virar potencias,entre todos hoje,acredito muito no Caio Fabio,talvez o Martinho Lutero de nossa epoca,[se bem o conheço,ele mesmo nao gostaria da comparaçao]mas creio no evangelho,q venceu todos os obstáculos até agora,e será capaz de vencer essa crise de identidade da igr.ORO POR ISSO.

  7. sinceramente há um tremendo descaso com as almas.
    ouvi uma pregação muito interessante que diz que a igreja tem feito campanhas do tipo 40 dias para o milagre, 7 dias para a benção, hora da colheita, mas não tem feito uma campanha do tipo – negue-se a si mesmo – é preciso morrer para se ter vida.
    Gostaria de deixar o meu apelo:
    Devemos crer em Jesus e não perder o foco: Ele salva, cura, liberta, etc…
    Ele é Rei e Soberando. E pode todas as coisas, inclusive fazer crescer substancialmente sua conta bancária, ou simplesmente permitir que você e sua família coma e vista. Há sim, justos que pedirão o pão. É preciso entender e ler a bíblia no contexto que está inserido os versículos, e não simplesmente usar um verso aqui ou outro ali, para justificar o uso irracional da fé.

  8. ah! gente eu penso o seguinte, que Deus, somente Ele ira Julgar, e que o Evangelho da PRosperidade é COMPLETAMENTE ALGOO RUIM, tá certo POOOW, Prosperidade é um DOM DIVINO DE DEUS, então nós devemos alcançar issso, e assim, nem tds alcancarão, e eu luto por isso, porqe eu quero ser boa na mionha vida aqui, mas completamente VIVENDO pra Deus, então, não importe , OS OUTROS, e sim VOCÊ, o que vcê qer ? Viver beem, ou mal ? escolha eu creio qe Deus qer que nós vivamos bem, e sejamos SUPRIDOS en todas nossas necessidades, então, eu sou CONTRA o EVANGELHO DA PROSPERIDADE, e afavor que a PROSPERIDADE é um DOM de Deus, e tooooodos nos DEVERIAMOS ter, e como muitos teem, vocês deveriaão somente apoiia-los, e assim Deus sab o qe o nosso coração, tem, e se algumas IGREJAS estão erradas, PROBLEMA DELAS, elas qe se vejaaam com o CHEFÃO LÁ { DEUS TODO-PODEROSO } e aii sim, vaii se enrrola com Ele, e quem teem esse dom MAGNIFICO amém, e quem não tem, OUSE OUSE OUSE, busca-lo, porque é MAGNIFICO, não busque a RIQUEZA, PORQUE os ricos não Erdarão o reino de Deus, mas busque a VIVA QUALIFICADA, SUA VIDA FINACERA deve esta boa, poruqe isso é dom, assim como o nosso coração deve esta bem com Deus, tb nossas coisas materias devem estar bem, porque POR mas que nós não vivaamos aqui por toda a vida, mas Deus prometeu que VIVERIIIAMOS COM ABUNDANCIIA, então IRMAÃO large de fica flado do que não é de sua importancia, porqe ASSUNTO MINISTERIAL irmãos, é melhor nem trica o dedo, porque por mas que Eles sejão ladroes, mentirosos, eles um dia forão consagrados, ao Senhor e essa consagração sopbre a cabeça deles, tem poder tem o poder de Deus, então cuidado, a JUSTICA DE DEUS, É muito FORTE . cuidado e NÃO SE ESUQEÇAAAO

    SALVAÇÃO NÃO É PROSPERIDADE NÃOOOOOOO .

    e preocupe-se mas com sua salvação do que como as igrejas trabalhão com a vida finaceira dos congregantes, e você saira GANHANDO . pode crêr , no dia FINAL é melhor Deus ti chamar, ou você vaii fica pra julgar as quetoes FINACEIRAS da igreja tb junto com CRISTO ?;
    preste atenção e cuidado com as NOSSAS palavras . 😀

    Deus abençooe .

  9. ´pow meu brincadeira viu sou evangélico há vários anos e a unica coisa que ouço falar é vc vai ser abençoado e vc vai ficar rico ou até de 100,00´para ganhar 1.000,00 é brincadeira né meu, jesus disse ide e pregai o evangelho por todo o mundo para todas as pessoas mas a única coisa que vejo essas pessoas pregando é ide e façai o mundo um pais rico e poderoso
    isso não existe irmãos cuidado com o tal evangelho por que no fim dos tempos virão falsos cristos e falsos profetas que enganarão á muitos se possivel até os escolhidos de deus
    portanto abracem o senhor jesus e fiquem ao seu lado custe oq custar nunca o abandonem e sirva-o e não queiram que deus os sirva

    valeu um abraço e que deus esteja sempre ao nosso lado!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  10. Buscai o Reino de Deus e as demais coisas vos serão acrescentadas. Devemos planejar a nossa vida na orientação do Espírito Santo para que não haja passo em falso em nossas escolhas, Deus da o crescimento segundo a capacidade de cada um. Porém, ir a Igreja buscar a benção e não o abençoador cai em contradição com a Palavra e leva as pessoas a se tornarem frustadas com a pregação do Evangelio, se você está frustrado(a) reveja a ordem das coisas em sua vida. a Paz do Senhor a todos!

  11. Hoje, com mais ou menos 4 anos dentro da igreja, me vejo frustrado com tanta coisa que é colocada dentro das igrejas, concordo plenamente que o evangelio da prosperidade, a procura desenfreada por bençãos, coisas materiais, não são o princípio da palavra de Deus. Não podemos achar que Deus está mais preocupado em me dar o carro do ano do que nos colocar recursos para ajudar aqueles que não tem o que comer, não podemos nos enganar com falsas doutrinas, seria muito bom se fossemos todos ricos e abundantes materialmente, mas o que Jesus nos falou é algo ainda maior, que é a riqueza do reino de Deus que está dentro de nós, algo que não se pode pegar, mas que tem maior valor diante de Deus de que todo universo. Este reino na terra não é nosso, é do maligno e todos os que amam suas coisas, não somos deste mundo!!!
    Um abraço a todos que postaram e compartilham desta mesma visão!!!
    Diego Silva – Passos-MG

  12. O Antigo testamento é um esboço do Novo Testamento, aquele que atesta Cristo Jesus nosso Senhor…e no Novo Testamento não se fala em prosperidade financeira, mas sim espiritual,não clamem nem façam campanha ou coisa parecida como reuniões empresariais para alcançar as bençãos, resumindo não sejam pagãs como se refere o texto em Luc.12:30
    Antes acredite nas palavras do Senhor Jesus, Não vos inquieteis, pois, pelo dia amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.A nossa busca deveria ser em Jesus e em Salvação e não em coisas materiais, pois Deus não se agrada nisto…Antes dai Graças pela sua vida e por tudo o que tem ainda que não tenha nenhum bem material, tem roupas e o que comer, então alegre-se, pois muitos queriam ter o que tem, e não tem, nem estão cometendo suicídios nem fazendo campanhas infinitas…
    Eu convidaria os irmãos a ver uma Boa e ótima pregação do Ricardo Gondim, considerado por mim um dos melhores pregadores que existe ultimamente, pois fala para Deus e não para os homens, agrada a Deus e não a homens…

    http://www.youtube.com/watch?v=pvLIdSn8SME

    A paz do Senhor a todos!

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui