Julgar e discernir

1
38
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Por Norma Braga

Dois cristãos que se conhecem pouco estão conversando. Um deles conta algo que havia se tornado público: os recentes pecados em que caíra um líder famoso. No meio da conversa, o outro dá uma gargalhada. O primeiro pensa com horror: “Que absurdo, rir de uma coisa dessas. Pelo jeito o Fulano não se importa com os pecados dos outros.” O que riu percebe de súbito o estranhamento do primeiro e, um pouco constrangido, tenta justificar “Eu achei engraçado porque…”, como quem se desculpa depois de rir em velório.

Mas o primeiro permanece com suas impressões. “O Fulano não se importa com os pecados dos outros.” Isso é julgar.

Assine o Blesss
Outra situação. Dois cristãos que se conhecem pouco possuem blogs. Querem se linkar, por amizade, mas um obstáculo se apresenta a um deles: o blog do outro é pouco edificante e, de quebra, está cheio de linguagem duvidosa e fotos obscenas. Ao mesmo tempo, experimenta certa angústia: “Estaria eu julgando?” O conteúdo, porém, fala por si: há algo errado na vida cristã de quem posta tais coisas despreocupadamente, sem pensar na possibilidade de escândalo. Cabe descobrir o que é.

Diante de um fato desses, quem se cala com o argumento “devo estar julgando” abstém-se de justas admoestações, impedindo que o pecado alheio seja reconhecido e coberto.

É assim que tem se comportado a igreja hoje: incapaz de fazer a diferença entre julgar e discernir, o cristão se vê de boca atada e não ajuda o irmão em erro. O pecado se multiplica em nome de um “amor” muito pouco bíblico, falso amor, mascarado sob os imperativos modernos da tolerância. Essa tem sido uma das maiores fraquezas da igreja hoje.
.
Que Deus nos ajude.
.
***
Li no blog da Norma Braga

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

1 COMENTÁRIO

  1. Que texto bom, não havia pensado assim, um cristão entre julgar e discernir, por causa de um falso amor, que não é o que JESUS ordenou.

    Temos que nos exortar uns aos outros, nos aconselharmos mutuamente.

    Devemos cumprir o mandamento que JESUS nos deixou, de nos amar uns aos outros.

SUA RESPOSTA

Por favor, faça seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui